Campo

Foto: Pedro Barbosa

As ações de defesa agropecuária do Tocantins ganharam reforço com a assinatura do Termo Aditivo de um convênio celebrado entre o Governo do Estado, por meio da Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec), e o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa), que visa a reestruturação do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa) no Estado.

A assinatura aconteceu na manhã desta quarta-feira, 6, no gabinete do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, com a presença do governador Marcelo Miranda, que reforçou a importância da atuação da bancada federal do Estado para essas conquistas com a União. “Um recurso para que possamos continuar aperfeiçoando nossas fiscalizações é, sem dúvida nenhuma, muito importante. Quando se fala em sanidade animal e vegetal, nós temos que estar sempre alerta. Quero agradecer ao Ministério da Agricultura e aos nossos deputados federais que trabalham diuturnamente para garantir os recursos oriundos das esferas federais”, afirmou.

Os recursos permitirão maior assistência aos proprietários rurais, por meio de investimentos em veículos, equipamentos de informática e custeio de cursos para técnicos. A iniciativa reflete diretamente na vida do produtor agropecuário, ao permitir, por exemplo, que o Tocantins mantenha o status de estado livre da febre aftosa, agregando valores às exportações de produtos de origem animal e vegetal. Atualmente, o Estado está habilitado a exportar seus produtos para mais de 130 países. 

“Nós temos que dar garantias ao mercado internacional e ao mercado interno de que a sanidade animal é prioridade para o Brasil. Todas as nossas vendas para o exterior são baseadas nos protocolos que nós assinamos. É responsabilidade do País e dos estados colocar isso em dia para comprovarmos, ao mercado, o que estamos fazendo. O repasse de recursos é para ajudar o Estado em suas funções”, destacou o ministro Blairo Maggi.

Sobre os Recursos

O termo aditivo refere-se ao Convênio nº 794621/2013, que prevê o repasse de R$ 3.013.440,250 à Adapec, com contrapartida de R$ 152.003 do Estado. Em 2014, já foram repassados para o Estado R$ 907.665,25; em 2015, houve um novo repasse de R$ 1.102.775 e agora serão liberados mais R$ 1.003.000.

Presentes

Na ocasião, estiveram presentes o presidente da Adapec, Humberto Camelo; o chefe do Escritório de Representação em Brasília, Renato de Assunção; e os deputados federais Dulce Miranda, Josi Nunes,professora Dorinha, Cesar Halum e Lazaro Botelho.