Esporte

Foto: Philipe Bastos Os técnicos de Desporto Educacional reuniram-se com o subsecretário Jarbas Ferreira da Costa para definir os últimos detalhes para os Jets Os técnicos de Desporto Educacional reuniram-se com o subsecretário Jarbas Ferreira da Costa para definir os últimos detalhes para os Jets

A maior competição escolar do Tocantins será realizada, a partir do dia 11. Contudo, na reta final de organização dos Jogos Estudantis do Tocantins (Jets) e dos Jogos Paradesportivos Escolares do Tocantins (Parajets), os trabalhos não param. Na tarde da última sexta-feira, 5, foi realizada uma reunião de trabalho para definir os últimos detalhes para as finais estaduais dos jogos, que iniciarão na próxima semana.

Durante a reunião, foram debatidos pontos importantes para os jogos, como infraestrutura, alojamentos, alimentação dos alunos/atletas, segurança e transporte. Segundo o técnico responsável pelo setor de Desporto Educacional da Seduc, Claudius Vinícius Souza Oliveira, está quase tudo pronto para as competições estaduais.

“Já estamos com essas questões quase todas resolvidas. Agora é finalizar os preparativos para podermos receber todos os atletas para as finais estaduais dos Jets e dos Parajets”, destacou o técnico.

Uma novidade em 2016 é a pista de atletismo da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Inaugurada em abril deste ano, é a primeira do Tocantins a contar com dimensões olímpicas, o que aumentará o nível de rendimento dos atletas tocantinenses.

De acordo com as especificações, a pista foi feita com piso sintético e possui as dimensões e características recomendadas pela Confederação Brasileira de Atletismo, além de certificação pela International Associattion of Athletics Federations (IAAF) como classe 2 ou acima, o que a qualifica para receber competições internacionais e aclimatar atletas olímpicos e paralímpicos.

“Essa pista da UFT é uma grande novidade que teremos para este ano. Os nossos atletas terão, com ela, contato com uma estrutura com dimensões e especificações oficiais para uma competição de Atletismo”, salientou Claudius Vinícius.

Mesmo a distância a secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, professora Wanessa Sechim, que participa de um evento sobre tecnologia e educação em São Paulo, destacou que a união entre esporte e educação é uma importante ferramenta para o desenvolvimento social dos estudantes tocantinenses.

“Os alunos esperam o ano todo por esse momento de alegria, socialização e união. Os Jets estimulam a permanência dos alunos em nossa rede de ensino. Aliar a educação à prática esportiva dá aos nossos alunos noções de cidadania e respeito mútuo. Além disso, está mais do que comprovado que o incentivo ao esporte auxilia no fortalecimento da educação ao dar aos estudantes mais foco e concentração nas atividades desenvolvidas”, pontuou.

Jets 2016

Com início previsto para o próximo dia 11, as finais estaduais dos Jogos Estudantis do Tocantins deverão reunir, em Palmas, mais de 800 alunos atletas de duas categorias - 12 a 14 anos e 15 a 17 anos. Durante quase 10 dias de competições, atletas e equipes entrarão nas pistas, quadras, piscinas e tatames para a disputa de 13 modalidades individuais e coletivas.

Os vencedores das finais estaduais dos Jets são classificados para os Jogos Escolares da Juventude (JEJ), maior competição interescolar do Brasil. Em 2016, os JEJ serão realizados em João Pessoa, capital da Paraíba, entre os dias 20 e 29 de setembro para a categoria 12 a 14 anos e 10 a 19 de novembro, para a categoria 15 a 17 anos.