Polí­tica

O Partido dos Trabalhadores do Tocantins posicionou-se através de nota sobre a votação no Senado pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). Para o PT/TO, hoje é um dia para ser lembrado "pela injustiça cometida, pela hipocrisia dos golpistas e porque hoje a Democracia brasileira foi ferida de morte". 

Para o PT, a vontade do povo não foi respeitada. "61 contra 54 milhões e meio de votos". O Partido dos Trabalhadores do Tocantins defende que a luta não acabou. "Não deixaremos de lutar um só minuto para que o Brasil volte a ser um país democrático e socialmente justo". Segundo o PT/TO "o golpe não foi contra só contra a presidente Dilma, mas contra o povo brasileiro". 

Confira nota na íntegra 

Nota do PT Tocantins sobre a consumação do Golpe

Hoje é um dia para ser lembrado. Pela injustiça cometida, pela hipocrisia dos golpistas e porque hoje a Democracia brasileira foi ferida de morte. 61 contra 54 milhões e meio de votos. Este é o resultado do placar que consumou o golpe. A vontade do povo não foi respeitada.

Neste dia em que a presidenta Dilma foi afastada definitivamente por meio de um Golpe Parlamentar, queremos agradecer profundamente cada um que lutou conosco pela manutenção da Democracia e contra este golpe. Não vencemos, mas, lutamos do lado certo.

Porém, a luta não findou. Não deixaremos de lutar um só minuto para que o Brasil volte a ser um país democrático e socialmente justo.  Nos preparemos para as lutas que teremos de travar contra o conservadorismo e os ataques aos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras. Pois, o Golpe não foi só contra a presidenta Dilma, mas contra o povo brasileiro. Pois ele afetará diretamente os trabalhadores e trabalhadoras do campo e da cidade, por meio da retirada de direitos e do retrocesso social.

À companheira presidenta Dilma Rousseff, nossa solidariedade e nossa admiração pela sua luta, coragem, retidão e determinação. Certamente a história lhe fará justiça. Estivemos e estaremos sempre juntos, lado a lado nas trincheiras da resistência.

#LutarSempre

Partido dos Trabalhadores do Tocantins