Cultura

Foto: Divulgação

Um grupo de amigos que residem na cidade de Araguaína, no interior do Tocantins, resolveu lançar uma campanha na internet a fim de arrecadar fundos para a produção de um curta-metragem intitulado “O estranho caso do palhaço do mal”. O repórter, roteirista e aspirante a diretor Stoff Vieira, e alguns amigos pretendem produzir o primeiro curta-metragem filmado na cidade.

Sem o apoio de grandes produtoras, poder público e empresas o grupo conta com o financiamento colaborativo para lançar o filme.

“A ideia surgiu com vontade de fazer cinema e o desejo de despertar o interesse e incentivar que outros araguainenses também comecem a produzir curtas-metragens. Como o orçamento de O estranho caso do palhaço do mal prevê locações de cenários, veículos, figurino e maquiagem artística, seria praticamente impossível realizar o projeto sem apoio. Daí surgiu a ideia de financiamento coletivo com campanha pela Internet”, conta Stoff Vieira, roteirista e diretor do curta.

O Filme

O caso do estranho palhaço do malé um curta-metragem de suspense e terror, que relata a história de quatro jovens envolvidos em uma acusação de abusarem sexualmente e assassinarem uma criança de treze anos. Após o ocorrido os envolvidos começam a desaparecer ao serem raptados, torturados e assassinados de maneira sangrenta e cruel por um serial killer que se esconde atrás de uma fantasia de palhaço.

De acordo com Stoff Vieira, a intenção de produzir esse curta é despertar o interesse dos araguainenses para a produção deste tipo de obras cinematográficas.

“Queremos também inscrever o curta no maior número de festivais e mostras possíveis, porém o mais importante é mostrar que é possível fazer um bom curta com baixo orçamento e utilizando os nossos jovens nesse projeto, seja atuando ou colaborando de outra forma”, revela Stoff Vieira.

Sobre a Campanha

A campanha está disponível no site Kickante, site especializado em campanhas de financiamento coletivo, e permanecerá até o dia 30 de dezembro deste ano, quando precisa completar a arrecadação de pelo menos R$ 8 mil, para a realização do projeto.

O recurso será utilizado para custear os gastos que envolvem a realização do filme, como: equipamentos de som e fotografia, arte, figurinos, maquiagem, transporte, alimentação, locação, gastos de pós-produção e outros.

 Os interessados em colaborar com o projeto ainda recebem recompensas como nome nos créditos, camisetas personalizadas, pôster, e DVD. As colaborações podem ser feitas via cartão de crédito, boleto bancário, entre outras formas, pela página do Kickante.

Os interessados em colaborar com o projeto podem contribuir através do link: https://www.kickante.com.br/campanhas/o-estranho-caso-do-palhaco-do-mal

Por: Redação

Tags: Cinema, Curta-metragem, Stoff Vieira