Economia

Foto: Divulgação

A Energisa vê a regularização do Setor Capadócia como uma conquista para a garantia da cidadania dos moradores do bairro. A construção da rede de energia elétrica no setor foi mais um passo no sentido de garantir esse direito aos cidadãos e o próximo passo é a regularização do fornecimento de energia elétrica no local. Para isso a concessionária fará um mutirão no local, nos dias 30 de novembro e 1° de dezembro, para regularizar as unidades, formalizando o pedido de ligação.

A empresa entende que as ligações clandestinas de energia elétrica, além de crime previsto do Código Penal, são um risco para a população podendo causar acidentes fatais, como de fato já aconteceu no Setor Capadócia. É dever da Energisa prevenir e evitar tanto a situação do furto de energia quanto proteger a população dos riscos de realizar a ligação clandestina.

“Essa ação não visa apenas combater as ligações clandestinas, mas também promover o desenvolvimento social das famílias que vivem no bairro por meio da regularização. Ter a conta de luz em mãos é ter um comprovante de endereço, um documento importante para a construção da cidadania”, destaca Helier Fioravante, gerente de Recuperação de Energia.

Os moradores que atenderem aos critérios que comprovem ser baixa renda, a empresa fará a doação do padrão de energia elétrica afim de garantir que todos sejam atendidos e que tenham sua situação regularizada. Além disso, a concessionária irá orientar a população sobre o uso consciente de energia.

Para fazer o cadastro e pedir a ligação, o cliente precisa levar o CPF, RG e informar o seu endereço completo. O mutirão acontecerá das 08:00 às 11:00 e das 14:00 às 17:00, em frente ao Conjunto 20, ao lado do Campo de Futebol, no Setor Capadócia.