Geral

Foto: Adriana Grigolo Há 18 anos a aposentada Otília Martins usufrui do benefício Há 18 anos a aposentada Otília Martins usufrui do benefício

Neste fim de ano, muitos idosos poderão viajar e rever parentes que moram em cidades distantes de forma gratuita por meio do cartão intermunicipal do idoso. O benefício é garantido  para pessoas com mais de 60 anos com renda de até dois salários mínimos.

A agente de vendas da empresa Topázio Passagens e Encomendas, Kelly Carvalho, disse que os dois assentos reservados aos idosos estão sendo usados para quase todos os destinos. “É difícil sair um ônibus sem preencher esses lugares, com a aproximação do final do ano, eles são muito procurado”, explicou.

A aposentada Otília Luiza Martins, 78 anos, de Taquaralto, estava procurando passagem para viajar para Araguaína e iria solicitar o bilhete gratuito. “Sempre que precisei de passagem gratuita consegui”, disse. E acrescentou, “Depois que me aposentei, eu fiz o cartão municipal e intermunicipal e nunca mais paguei passagem para viajar”.  

Benilde Moreira Barreira, também aposentada e moradora de Palmas, já tinha em mãos bilhete de viagem gratuita para Ponte Alta do Tocantins para ver a família no Natal. “Se não fosse esse benefício, a gente não poderia sair de casa, porque a passagem está muito cara. Com o cartão estou viajando para casa dos meus filhos e familiares”, disse.

Desde de 2015, 16.553 idosos de 137 municípios do Estado do Tocantins, foram beneficiados com o cartão. Segunda a gerente de Controle de Benefícios da Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas), Lilian Prágida, os idosos dentro do perfil podem usufruir o direito garantido pelo Estado. “Muitos idosos ainda não sabem quais são os benefícios a que eles têm direito. O Cartão do Idoso é um direito estabelecido pela Lei n° 2.001/08 e  garante a quem tem mais de 60 anos viajar gratuitamente no transporte intermunicipal”, garantiu.

Cartão do Idoso

Os idosos interessados em solicitar o benefício devem procurar as secretarias municipais de Assistência Social ou o Centro de Referência da Assistência Social (Cras) dos municípios. As empresas de transporte devem reservar duas vagas gratuitas por veículos com mais de 20 lugares e uma vaga em veículos de até 20 lugares para os idosos. Se essas vagas já estiverem preenchidas, as empresas são obrigadas a conceder 50% de desconto aos portadores do Cartão do Idoso que desejam viajar. Caso a lei não seja cumprida, os idosos devem denunciar a situação à Agência Tocantinense de Regulação e Fiscalização (ATR), pelo telefone 0800 646 23 43