Polí­tica

Foto: Divulgação Na Assembleia Legislativa do Tocantins, a sessão marcará a cerimônia de posse da nova Mesa Diretora Na Assembleia Legislativa do Tocantins, a sessão marcará a cerimônia de posse da nova Mesa Diretora

Os trabalhos legislativos nas esferas municipal, estadual e federal serão retomados nesta semana, após o recesso parlamentar. No Congresso Nacional, deputados federais e senadores voltam às sessões na quinta-feira, 2. Já na Assembleia Legislativa do Tocantins, conforme o regimento interno, o trabalho será retomado na próxima quarta-feira, 1º de fevereiro. Por fim, na esfera municipal, na Capital, Palmas, o regimento interno da Câmara prevê que as sessões ordinárias se iniciem no dia 5 de fevereiro, como cai no domingo, a sessão solene foi a princípio antecipada para o dia 2 de fevereiro.

Em Araguaína, regimentalmente, os trabalhos recomeçam no dia 6, com sessão ordinária marcada para às 14 horas. E em Gurupi, no primeiro dia útil de fevereiro, portanto, na próxima quarta-feira, a partir das 9 horas. Nos dois municípios, de acordo com as assessorias de imprensa das Câmara Municipais, não haverá sessões solenes.

Em geral, o início das sessões legislativas é marcado por solenidades, com a participação de autoridades dos demais poderes, incluindo os chefes dos poderes executivos (de acordo com a esfera legislativa). É também no início das legislaturas que os governos federal, estadual e municipal transmitem suas mensagens aos respectivos Parlamentos, uma espécie de relatório das ações realizadas e dos projetos que têm pela frente.

 No Congresso, a sessão solene está marcada para quinta-feira, a partir das 16 horas. Na Assembleia Legislativa do Tocantins, a sessão marcará a cerimônia de posse da nova Mesa Diretora e será realizada quarta-feira, às 09 horas, no plenário da Casa.

Mesas diretoras

Na retomada das sessões legislativas do Congresso haverá a eleição dos presidentes e demais integrantes das Mesas Diretoras do Senado e da Câmara. Na Câmara, o candidato à reeleição Rodrigo Maia (DEM-RJ) é apontado como favorito, enquanto no Senado, é Eunício Oliveira (PMDB-CE). Ambos compõem a base aliada ao presidente Michel Temer (PMDB). No Tocantins, tanto a Assembleia Legislativa quanto as câmara municipais de Palmas, Araguaína e Gurupi já têm seus presidentes e demais integrantes das Mesas Diretoras definidos. 

Eleito com 17 votos em sessão extraordinária no dia 8 de julho de 2016, o deputado Mauro Carlesse (PHS) será o presidente da Assembleia. Ele venceu a chapa encabeçada por Osires Damaso (PSC), que recebeu sete votos. Os demais membros da Mesa Diretora são a deputada Luana Ribeiro (PDT), eleita 1ª vice-presidente; o deputado Toinho Andrade (PSD), que será o 2º vice; e o deputado Jorge Frederico (PSC), que ocupará a 1º Secretaria. Os deputados Nilton Franco (PMDB), Cleiton Cardoso (PSL) e Zé Roberto (PT) assumirão, respectivamente, os cargos de 2º, 3º e 4º secretários. Eles estarão à frente da casa no biênio 2017-2018.

Municípios

As câmara municipais escolheram suas direções no dia 1º de janeiro, logo após a posse dos vereadores eleitos. Em Palmas, o vereador Folha (PSD) foi escolhido para presidir a Casa de Leis, tendo recebido 11 votos. Ele disputou a eleição com o vereador Ivory de Lira (PPL), que obteve oito votos. Assim, a Mesa Diretora da Câmara de Palmas terá, nos próximos dois anos, a seguinte composição: presidente: José Lago Folha (PSD); vice­-presidente: Léo Barbosa (SD); 1ª Secretária: Vanda Monteiro (PSL); 2º Secretário: Jucelino Rodrigues (PTC); 3º Secretário: Etinho Nordeste (PTB).

Araguaína

No município de Araguaína, apenas uma chapa se inscreveu e o vereador Marcus Marcelo (PR) foi eleito, por unanimidade, para o terceiro mandato consecutivo à frente do Parlamento. A Mesa Diretora será composta ainda pelos vereadores Ferreirinha (PMDB), vice-presidente; Divino Bethânia Jr (Pros), 2º vice-presidente; Alcivan Rodrigues (PP), 1º secretário; Geraldo Silva (PMDB), 2º secretário; Leonar Lima (PRTB), 3º secretário; Israel Gomes (PR), 1º suplente; e Gideon Soares ((PRTB), 2º suplente.

Gurupi

Também com chapa única registrada, a eleição da Mesa Diretora da Câmara de Gurupi terminou com a escolha do vereador Valdônio Rodrigues (PSB) como presidente; Zezinho da Lafiche (PROS), vice-presidente; Sargento Jenilson (PRTB), 1º secretário; Marílis Fernandes (PDT), 2ª secretária; Wendel Gomides (PDT), 1º Suplente; e Eduardo Fortes, 2º Suplente. A chapa foi eleita por aclamação.