Polí­cia

Foto: Divulgação

No final da tarde da última terça-feira, 16, a Polícia Civil, por intermédio da 5ª Delegacia de Palmas, deflagrou mais uma ação de combate à criminalidade, a qual resultou na apreensão de três armas de fogo, munições e na prisão em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de Francisco V. dos R. e Wilson T. T. F..

Conforme o delegado Evaldo de Oliveira Gomes, as prisões e apreensões se deram em decorrência do cumprimento de dois mandados de busca e apreensão, sendo que o primeiro foi cumprido em um hotel, localizado no Jardim Aureny III, em um dos quartos ocupado por Wilson T., onde após buscas, os policiais civis encontraram e apreenderam duas pistolas calibre .380, bem como seis carregadores e 15 munições do mesmo calibre.

O indivíduo, em depoimento, afirmou que uma das armas era legalizada, todavia, a Polícia Civil ainda está averiguando se a autorização para portar a arma de fogo havia sido suspensa pela Polícia Federal, em decorrência de ilícitos penais. Em seguida, os agentes da 5ª DPC foram até uma chácara, situada às margens da TO 050, onde cumpriram outro mandado de busca e apreensão, desta vez, na residência de Francisco Virgínio.

Durante as buscas no interior do imóvel, os policiais localizaram e apreenderam, escondida dentro de um guarda-roupa, uma arma de fogo tipo garrucha, além de várias munições para a arma. Diante dos fatos, Francisco e Wilson T. foram conduzidos à 5ª DPC, onde foram autuados pela prática do crime de posse ilegal de arma de fogo. Após os procedimentos cabíveis, ambos os indivíduos recolheram aos cofres públicos a quantia estipulada como fiança pela autoridade policial e, com isso, obtiveram o direito de responder ao processo em liberdade.

A operação deflagrada pela 5ª Delegacia de Polícia Civil teve apoio do Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE), Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC) , bem como policiais civis da 4ª Delegacia de Polícia Civil de Palmas

Por: Redação

Tags: Polícia, Polícia Civil