Economia

Foto: Carlessandro Souza   Secretária Patrícia do Amaral apresenta projeto a populares Secretária Patrícia do Amaral apresenta projeto a populares

Localizada a 80 km de Palmas, Santa Tereza do Tocantins foi a cidade que recebeu a equipe da Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas) na tarde desta terça-feira, 11, para a apresentação do Projeto Ecosol Territorial.

O projeto está em sua etapa final, sendo esta a apresentação do mesmo à comunidade, seguida pela adesão dos associados e, por último, a venda das peças e produtos produzidos por eles. A venda dos produtos acontecerá em uma Feira com data pré-agendada para maio de 2018, em Ponte Alta do Tocantins.

O principal objetivo do Ecosol é dar independência financeira às famílias, principalmente àquelas que recebem repasses do Programa Bolsa Família ou de qualquer programa do Cadastro Único, ou ainda as que recebem até R$ 170,00 ao mês.

“Sabemos que a ajuda dos repasses federais é paliativa e os próprios beneficiados querem andar com as próprias pernas. O Ecosol veio para preencher esse desejo e transformar vidas. O governador Marcelo Miranda e a primeira-dama Dulce Miranda querem que as famílias encontrem soluções de geração de emprego e renda”, observou a Secretária da Setas, Patrícia do Amaral. 

Perfil

Cleonice Pinto da Luz já foi beneficiária do Bolsa Família. Ela é uma dos perfis que se enquadra nas exigências do Ecosol, para isso basta apenas que esteja ligada a uma associação. “Tenho muito interesse em fazer parte do Projeto. Por meio de um curso de panificação comecei a vender meus produtos e hoje tenho uma mini padaria, mas quero aumentar meu negócio”, testemunhou, emendando que acredita que “todo mundo que recebe benefício anseia por outra forma de renda”.

Em Santa Tereza, o agente de desenvolvimento em Economia Solidária, Sérgio Borges da Luz Júnior é o responsável por mobilizar as pessoas da cidade e catalogá-las. Até o momento já visitou a zona urbana e rural e identificou uma associação de produtores rurais com 150 trabalhadores cadastrados na área de leite e derivados. O agente também encontrou 30 mulheres que estão agrupadas e já confeccionam sandálias, porta-sacos, tapetes, peças em Capim Dourado, entre outros.  “Eu abracei esse projeto e tenho certeza que a vinda da Setas aqui ajudará em muito a propagação do Projeto”, pontuou.

Visitas

A visita da equipe da Setas iniciou no dia 3 de julho e se estenderá até 17 de julho, período em que prefeitos e secretários de Assistência Social e comunidade em geral de todas as 17 cidades beneficiadas pelo Ecosol terão oportunidade de conversar com os profissionais da Secretaria.

Datas Visitas

3/07 – Paranã

4/07 - Taipas do Tocantins

6/07 - Rio da Conceição

7/07 - Porto Alegre do Tocantins

8/07 – Dianópolis

10/07 - Lagoa do Tocantins

11/07 - Santa Tereza do Tocantins

13/07 - Ponte Alta do Tocantins

14/07 – Mateiros

17/07 - Rio Sono