Polí­cia

Foto: Ascom SSP Suspeito de estuprar e engravidar a própria filha adolescente é preso pela Polícia Civil em Dianópolis Suspeito de estuprar e engravidar a própria filha adolescente é preso pela Polícia Civil em Dianópolis

Uma ação de combate à criminalidade deflagrada, na tarde desta última quinta-feira, 13, por policiais civis da Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher (Deam) de Dinanópolis, comandados pelo delegado José dos Santos Fonseca Borges Júnior, com apoio e orientação do Delegado Regional Afonso José de Azevedo Lira Filho, resultou na prisão de Baldoino C.R.B., 38 anos.

Ele é acusado de abusar sexualmente de suas duas filhas menores de idade, tendo inclusive, engravidado uma delas e foi preso, em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pelo juízo criminal da 1ª Vara Criminal da Comarca de Gurupi.

Após receber informações sobre a existência de mandado de prisão em aberto em desfavor de Baldoino e de que o mesmo estaria escondido em Dianópolis, à equipe de policiais civis deu início às investigações e localizou o foragido, o qual estava escondido na casa de seu pai. Os agentes então foram até o local, realizaram a abordagem e efetuaram a prisão, conduzindo-o até a Delegacia de Dianópolis.

Conforme o delegado José Júnior, as investigações, que foram realizadas pela Deam de Gurupi, apontaram que Baldoino mantinha, há muito tempo, relações sexuais com suas duas filhas biológicas com idades de 15 e 11 anos de idade, sendo que, da relação com a mais velha, nasceu um filho com má formação decorrente do incesto praticado.

Ainda segundo o delegado, após saber que os estupros praticados contra suas filhas estavam sendo investigados pela Polícia Civil, o suspeito tentou cometer suicídio, ingerindo substância venenosa, sendo que seu filho de 14 anos também ingeriu o veneno e se encontra internado no Hospital Regional de Gurupi.

“Os casos de estupro tiveram início em Dianópolis e, quando os crimes começaram a ser apurados, Baldoino se mudou para Gurupi, no entanto, naquele município, as investigações foram intensificadas e o homem fugiu novamente, retornando para Dianópolis, onde conseguimos efetuar a prisão do mesmo”, ressaltou o delegado.

Baldoino foi recolhido à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Dianópolis, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário, uma vez que a quantidade veneno ingerido por ele não resultou em maiores danos ou internação. A Polícia Civil de Dianópolis ainda investiga se o homem teria envenenado seu próprio filho e, logo após, tentado suicídio.