Saúde

Foto: Divulgação

Com palestras, mesas redondas e apresentações de trabalhos, o III Fórum das Leishmanioses acontece nesta quinta-feira, 10, no auditório do Centro Universitário Integrado de Ciência, Cultura e Arte da Universidade Federal do Tocantins (Cuica/UFT). O evento voltado para estudantes e profissionais de saúde faz parte da programação da Semana Nacional de Controle às Leishmanioses realizada pela Secretaria Municipal de Saúde por meio da Unidade de Vigilância e Controle de Zoonoses (UVCZ).

De acordo com a organização, os ​32​ trabalhos científicos inscritos serão expostos trazendo como tema central as Leishmanioses. As áreas abordadas são Animais Reservatórios - Animais Silvestres, Bem Estar Animal, Parasitologia, Saúde Pública e Zoonose, Diagnóstico, Vigilância e Controle; Vetor - Manejo ambiental, Vigilância e Controle, Entomologia; Saúde Pública - Saúde Coletiva, Determinantes Sociais de Saúde, Gestão em Saúde, Zoonose; Educação em Saúde - Experiências Exitosas, Zoonose. ​Os mesmos serão avaliados pela banca e os primeiros colocados, premiados.​

A programação da semana iniciou na última segunda com treinamento para os professores e atividades de Educação em Saúde para os alunos da Escola Estadual Vale do Sol, no setor Vale do Sol. “Tivemos uma boa participação e interação dos professores e alunos e temos certeza que serão novos disseminadores de conhecimento sobre as leishmanioses. E o fórum será o momento de troca de experiência e conhecimento científico entre estudantes e profissionais de saúde que atuam na área”, ressalta a gerente da Unidade de Vigilância e Controle de Zoonoses (UVCZ), Betânia Costa.

O encerramento da semana será na sexta-feira, 11, com um mobilização na Praça dos Girassóis, a partir das 18 horas, onde haverá ações de conscientização e teste rápido para Leishmaniose.

Confira a programação

Data: 10/08

Local: Cuica/ UFT

8h - Credenciamento Auditório do Cuica

8h30 - Palestra "Uma visão holística da Leishmaniose Visceral no Brasil com foco em Palmas-TO"

9h45 - Eixo 1: As implicações da Leishmaniose Humana na rede de atenção à saúde.

Eixo 2: O Controle Vetorial e a entomologia do Flebótomo

Eixo 3: As implicações da Leishmaniose Visceral Animal na Vigilância em Saúde

14h - Palestra "A epidemiologia da Leishmaniose Tegumentar no Brasil com foco em Palmas-TO"

15h15 - Mesa Redonda: "Desafios do Controle e Combate da Leishmaniose em Palmas-TO"

16h35 - Anúncio e entrega de prêmios dos três primeiros colocados e considerações finais. (Secom Palmas)