Meio Ambiente

Foto: Divulgação

Os primeiros a receberem a força-tarefa de conscientização e combate a incêndio, na manhã desta sexta-feira, 18, foram os chacareiros do setor Taquari, em Palmas/TO. Lançada no 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros, a ação pretende reunir mais de 60 homens e diminuir a incidência de queimadas durante o período de estiagem.

Várias equipes foram formadas e saíram em comboio para visitar nesta primeira etapa, as chácaras da capital. Entre os órgãos que participam da ação está o Corpo de Bombeiros, Defesas Civis Estadual e Municipal, Exército Brasileiro, Semarh, Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), Polícia Ambiental e Guarda Ambiental de Palmas.

Neste ano o Corpo de Bombeiros formou um grupamento especial composto por 12 militares que trabalharão exclusivamente no combate. “Nossa preocupação quando formamos esse grupo foi o de dar atenção uma especial aos incêndios florestais e urbanos, nesse período que está sendo muito critico. Esses bombeiros estavam em outras funções e hoje vão atuar diretamente na linha de frente do combate”, enfatizou o comandante Geral do Corpo de Bombeiros, Coronel Dosley Yuri Tenório.

Na associação de chacareiros do Taquari o senhor Luis Antonio Ramos de Souza recebeu os bombeiros e integrantes da Defesa Civil, que levaram orientações sobre os perigos decorrentes das queimadas. “Aqui na minha área fiz o arado da terra justamente para evitar o incêndio, tenho uma plantação de mandioca e se o fogo chegar acaba com tudo, além de prejudicar a saúde da gente. É importante que todos recebam essa visita e tenham consciência”, destacou o pequeno produtor.

“Nós trabalhamos preventivamente, vamos até as comunidades rurais e explicamos a importância do não uso do fogo nesse período, para evitar queimadas e dessa forma vamos conseguindo a conscientização da população” explicou o superintendente da Defesa Civil Estadual, Tenente-Coronel dos bombeiros, Peterson Ornelas.

A ação vai percorrer ainda as zonas rurais de Palmas, incluindo o distrito de Taquarussu, reberão visitas as cidades  de Lajeado, Miracema, Aparecida do Rio Negro e Paraíso. No interior do Estado, os bombeiros e Defesa atuam em parceria com as prefeituras na formação de brigadas. Só este ano foram capacitados mais de 700 brigadistas em 63 municípios que farão trabalho preventivo e de combate a incêndio.

A força-tarefa faz parte do esforço do Governo do Tocantins em reduzir o número de incêndios florestais no Estado. No mês passado, o governador Marcelo Miranda assinou o Decreto de Emergência Ambiental, que declarou situação de risco de desastre ambiental resultante de queimadas e incêndios florestais em sete municípios tocantinenses.

Por: Redação

Tags: Corpo de Bombeiros, Meio Ambiente, Queimadas