Campo

Foto: Manoel Junior

O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro), Embrapa Pesca e Aquicultura, Fundação Universidade do Tocantins (Unitins) e Associação dos Engenheiros Agrônomos do Tocantins (AEATO) realizam no próximo dia 13, o 3º Encontro para Apresentação e Discussão das Tendências Agroclimatológicas Regional e Estadual Palmas/2017. O evento acontece no auditório da Embrapa (prolongamento da Av. NS 10, cruzamento com a Av. LO 18, sentido Norte, loteamento Água Fria), em Palmas, das 7h30 às 17h.

A participação no encontro é gratuita e aberta aos interessados. Inscrições, programação e perfil dos palestrantes já estão disponíveis no endereço eletrônico do Portal da Agrometeorologia: agrometeorologia.seagro.to.gov.br/encontro

Na programação serão quatro palestras. A primeira delas falará sobre a “Previsão Climática para a safra 2017/2018, para o Estado do Tocantins”, ministrada pelo coordenador geral de Meteorologia Aplicada, Desenvolvimento e Pesquisa do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), Brasília-DF, Expedito Ronald Gomes Rebello.

A palestra, Impacto do Clima na Produção de Soja e Milho no Tocantins, será ministrada pelo pesquisador doutor Jones Simon, da Embrapa Pesca e Aquicultura (Palmas-TO).

Meio Ambiente

Os outros dois temas programados são: Cenários Futuros do Aquecimento Global para o Tocantins. Propostas de Mitigação e Adaptação, com o pesquisador da Embrapa Informática Agropecuária, de São Paulo (SP), Dr Eduardo Assad; e Apresentação da Plataforma de Compartilhamento de Informações da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) pelo Diretor de Gestão Ambiental da Semarh, Rubens Brito.

Para encerrar será realizada uma reunião técnica entre os participantes.

Conhecimento e planejamento

De acordo com a gerente de Agrometeorologia da Seagro, Denise Coelho, o conhecimento da agrometeorologia é essencial para a geração de informações meteorológicas e climatológicas adequadas às particularidades das diferentes culturas. “Com as informações aplicadas ao planejamento, ao processo de tomada de decisão e ao aumento da resiliência da produção possibilitam uma agricultura mais eficiente, mais produtiva, com menor risco de perdas e maior sustentabilidade”, destaca.

Segundo a gerente, nesse contexto, os serviços Nacionais de Meteorologia são essenciais, não apenas como fornecedores de dados meteorológicos ou de previsões do tempo e clima, mas também como geradores de produtos agrometeorológicos que venham ao encontro às necessidades do setor produtivo, principalmente.

Parceria

São parceiros na realização do 3º Encontro para Apresentação e Discussão das Tendências Agroclimatológicas Regional e Estadual Palmas/2017 o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET/MAPA), Superintendência Federal da Agricultura (SFA), Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa); OCB-SESCOOP, Semear Engenharia Agronômica; Programa de Agricultura de Baixo Carbono (ABC-Tocantins) e Secretaria de Desenvolvimento Rural de Palmas (Seder).

Programação Temática:

07h30 - Recepção e inscrição dos participantes

08h30 – 09h20 - Abertura Oficial

09h30 – 10h30        Palestra: Previsão Climática para a safra 2017/2018, para o Estado do Tocantins. Expedito Ronald Gomes Rebello, Coordenador-Geral de Meteorologia Aplicada, Desenvolvimento e Pesquisa do Instituto Nacional de Meteorologia – INMET, Brasília-DF.

10h45 – 11h30 - Palestra: Impacto do Clima na Produção de Soja e Milho no Tocantins. Doutor Jones Simon, Embrapa Pesca e Aquicultura, Palmas-TO.

14h – 14h45 - Palestra: Cenários Futuros do Aquecimento Global para o Tocantins. Propostas de Mitigação e Adaptação. Doutor Eduardo Assad, Embrapa Informática Agropecuária, São Paulo-SP.

15h15 – 16h - Palestra: Apresentação da Plataforma de Compartilhamento de Informações da Semarh. Rubens Brito, Engenheiro Ambiental, Diretor de Gestão Ambiental da Semarh, Palmas - TO.

16h - Reunião técnica

17h - Encerramento