Polí­tica

Foto: Divulgação Professor Antônio Belarmino faleceu em decorrência de insuficiência renal crônica Professor Antônio Belarmino faleceu em decorrência de insuficiência renal crônica

O governador Marcelo Miranda lamentou a morte do professor Antônio Belarmino Filho, ocorrida nesta última segunda-feira, 1º de janeiro, em Palmas/TO, por insuficiência renal crônica.

Segundo nota do governador o professor foi uma das figuras mais proeminentes de Pedro Afonso/TO e do Tocantins e a história do município localizado no centro-norte do Estado não pode ser contada sem que se faça referência às inúmeras contribuições do professor ao município e região.

Ainda segundo o governador, Antônio Belarmino foi muito mais que um amigo, “alguém a quem tínhamos afinidade parental pela convivência próxima”, afirmou, concluindo que o professor deixa um legado inestimável e um exemplo de dedicação ao conhecimento e em benefício de Pedro Afonso.

O professor Antônio Belarmino Filho nasceu em 14 de janeiro de 1929, na cidade de Balsas/MA, mas foi em Pedro Afonso que construiu sua família. Além de professor, ele também foi secretário municipal de Administração por dez anos, até se aposentar em 1983. 

A Prefeitura de Pedro Afonso decretou na manhã desta terça-feira, 2, luto oficial de três dias na cidade.

O finado professor é pai do ex-prefeito da cidade, Tom Belarmino e também do atual secretário de Meio Ambiente, Comércio, Indústria e Serviço, Marco Aurélio, além do vereador Pedro Vinicius Belarmino.

Confira abaixo a nota do governador na íntegra.

Nota de pesar

Governo do Tocantins

Em meu nome, da minha esposa Dulce Miranda e de toda a minha família, lamento profundamente a morte do amigo e professor Antônio Belarmino, ocorrida nessa segunda-feira, 1º de janeiro, em Palmas.

Sem dúvida alguma ele foi uma das figuras mais proeminentes de Pedro Afonso e do Tocantins.

A história de Pedro Afonso não pode ser contada sem que se faça referência às inúmeras contribuições de Antônio Belarmino Filho ao município e região.

Antônio Belarmino Filho foi muito mais que um amigo, mas alguém a quem tínhamos afinidade parental pela convivência próxima.

Deixa um legado inestimável e um exemplo de dedicação ao conhecimento e em benefício de Pedro Afonso.

Rogamos a Deus pelo descanso de sua alma e pelo conforto de sua esposa, a professora Nereida, dos filhos Marco Aurélio, Tom Belarmino, Pedro Vinicius, Márcia Aurélia e Marcelo, bem como aos demais familiares e amigos. 

Marcelo de Carvalho Miranda e família