Campo

Foto: Divulgação

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), coordenado pela presidente, Kátia Abreu, finalizou no município de Araguaína, o curso de Trabalhador na Aplicação de Agrotóxico para 19 alunos da região, as aulas foram todas realizadas no Sindicato Rural de Araguaína. A intenção é que os agricultores e trabalhadores rurais aprendam a utilizar corretamente os agrotóxicos aliando a preservação do meio ambiente e a proteção à saúde tanto do aplicador quanto do consumidor final, uma das principais preocupações é com a saúde do trabalhador que manipula e manuseia esses produtos.

Durante as aulas, os participantes do curso aprendem sobre como preservar o meio ambiente, a utilizar os equipamentos de proteção individual (EPIs), noções de primeiros socorros, regulagem e manutenção de equipamentos, aplicação correta de agrotóxicos, conceitos de toxicidade, e noções quanto às leis que regulamentam o uso desses produtos.

Para o instrutor Aridouglas Araújo, os agrotóxicos são potencialmente perigosos, e seu uso indiscriminado pode causar danos irreparáveis a saúde do trabalhador, "porém, um dos objetivos do curso é ajudar o produtor a utilizá-lo de maneira correta, para assim ele se tornar um importante aliado no combate de das pragas e não causar danos ao trabalhador rural”, disse o instrutor

Normas Aplicadas no Curso

Aprender a introdução, importância e utilização do agrotóxico; a legislação federal: NR31; a legislação distrital: lei 414/93. Classificar os agrotóxicos, EPI’S, e utilização de forma correta do EPI, de exposição aos agrotóxicos e tipos de intoxicação, principais sintomas de intoxicação, riscos dos agrotóxicos durante o preparo da calda e na aplicação. Procedimentos para transporte de agrotóxicos: legislação, procedimentos e cuidados, sinalizações, observações em caso de acidentes e vazamentos, documentos obrigatórios, responsabilidades, infrações e penalidades, limites de isenção.