Polí­tica

Foto: Savick Brenna/Sintet Presidente regional do Sintet, acredita que a renúncia do ex-prefeito trará resultados positivos para a educação de Palmas Presidente regional do Sintet, acredita que a renúncia do ex-prefeito trará resultados positivos para a educação de Palmas

Mais um ato público do Plano de Mobilização Contínua do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (SINTET) foi realizado na tarde desta última terça-feira, 3. Os trabalhadores da educação municipal utilizaram baldes, vassouras e rodos para lavar a calçada e fazer alusão a uma “limpeza” na Prefeitura Municipal de Palmas, uma vez que, na manhã dessa terça-feira foi realizada a cerimônia de renúncia do então ex-prefeito, Carlos Amastha.

Com faixas estampando diversas reivindicações dos direitos da educação, os membros da diretoria do Sintet assumiram a fala e destacaram a indignação da categoria representada. “Com a saída de Carlos Amastha, hoje iremos realizar uma limpeza nessa prefeitura, vamos jogar água para começar eliminar toda essa sujeira que ele deixou”, disse a vice-presidente regional do Sintet, Rose Marques. 

O presidente regional do Sintet, Fernando Pereira, acredita que a renúncia do ex-prefeito trará resultados positivos para a educação de Palmas. “Acredito que a partir de agora a Prefeitura de Palmas irá nos receber e nos tratar com o devido respeito. Temos esperança que o diálogo entre Sintet e gestão pública municipal finalmente seja estabelecido”, finalizou.