Conexão Tocantins - O Brasil que se encontra aqui é visto pelo mundo
Opinião

Parece que nessa temporada do Brasileirão está ficando provado que os técnicos brasileiros, mesmo estando comandando equipes nacionais, têm muito que aprender dos técnicos que estão chegando de fora e tendo muito sucesso.

Falamos como é óbvio dos dois técnicos que estão nas primeiras posições da tabela do Brasileirão, o Flamengo do português Jorge Jesus e o Santos do argentino Sampaoli. Alguém questiona que nesse momento esses não são os times que estão jogando melhor futebol no Brasileirão Série A 2019?

Técnicos Estrangeiros estão tendo o maior Sucesso no Brasileirão

Se é importante conhecer bem a realidade do futebol brasileiro para ter sucesso no Brasileirão isso parece certo. Contudo, o que não se sabia até agora é que até os técnicos estrangeiros têm a capacidade de se adaptar facilmente ao futebol brasileiro e fazer o maior sucesso aqui. Mas qual é o motivo para esse sucesso inesperado de dois técnicos que são tudo menos consensuais, até por já terem fracassado no passado? Será que fazer uma aposta esportiva a favor desses times é de valor?

Não nos podemos esquecer que Jesus e Sampaoli apenas estão no Campeonato brasileiro depois de não terem tido sucesso em suas últimas passagens. Enquanto Jesus não conseguiu ser campeão português com o Sporting, Sampaoli fez um Copa desastrosa como selecionador da Argentina. Porém, talvez essas experiências no exterior façam com que esses dois técnicos tenham um conhecimento extra em relação aos brasileiros, que muitas vezes apenas trabalham no Brasil.

Será que os técnicos estrangeiros são melhores que os brasileiros?

De fato, essa é uma pergunta que está sendo cada vez mais feita entre os especialistas e comentaristas. Até que ponto os técnicos brasileiros não necessitam de abrir seus horizontes e olhar para, por exemplo, o estilo de trabalho europeu que Jesus implementou em pouco tempo no time do Flamengo e que tão bons resultados está produzindo.

É muito importante entender que, historicamente, os técnicos brasileiros se dão bastante mal quando estão trabalhando nos principais times do futebol europeu e isso pode demonstrar que falta experiência, capacidade técnica e tática, de uma forma geral, ao técnico brasileiro. Por isso mesmo, a chegada de cada vez mais estrangeiros pode acabar até sendo benéfica para o treinador brasileiro, abrindo novas visões técnicas e táticas desse maravilhoso futebol, como é o brasileiro.

Mesmo não estando habituados à cultura, a verdade é que, em pouco tempo, tanto Sampaoli, como Jorge Jesus, conseguiram encontrar uma forma de trabalhar eficaz, montando um time que é muito sólido e que é capaz de dominar seus jogos facilmente. O Flamengo de Jesus, por exemplo, ganhou os últimos seis jogos, se isolando na primeira posição, e está jogando uma meia final da Copa Libertadores, algo que não se via há mais de trinta e cinco anos.

Jesus pode contribuir para a evolução do futebol brasileiro?

Caso Jorge Jesus consiga o feito histórico de ganhar o Brasileirão e a Copa Libertadores na sua temporada de estreia no Flamengo, o técnico português vai ser considerado por milhões de brasileiros um verdadeiro Jesus do futebol no Brasil e todo esse poder e influência pode criar impacto naquele que é o futuro e a evolução do futebol nacional.

Em uma entrevista recente, Jesus confessou que na Europa se pensa que ter muitos jogadores brasileiros no seu elenco é ruim. Contudo, já confessou várias vezes que encontrou uma realidade bem diferente no time do Flamengo e que, em toda sua longa carreira, nunca encontrou um elenco que trabalhasse tanto e aceitasse suas dicas. Isso nos leva a concluir que talvez a dificuldade de evolução do futebol brasileiro não é culpa dos jogadores, mas sim de seus técnicos. Será que Jesus e Sampaoli vão mudar essa realidade?