Palmas

A primeira reunião do projeto Palmas para Igualdade Racial, que beneficiará 50 estudantes negros da Capital, será realizada no próximo dia 10, a partir das 14 horas, na Escola de Tempo Integral Pe. Josimo Tavares.

Durante o encontro, a coordenadora da Mulher, Direitos Humanos e Equidades, Rosimar Mendes, explicará a metodologia do projeto e a importância desta iniciativa da Prefeitura de Palmas, que visa conscientizar a população negra jovem acerca do valor de raça e da questão da igualdade com as demais raças.

Pelo projeto, os estudantes irão freqüentar um curso profissionalizante de 120 horas/aula e, durante o curso, serão beneficiados com uma bolsa auxílio no valor de R$ 150,00 e transporte. Na reunião, os estudantes deverão escolher quais os cursos que querem fazer. As opções são Hotelaria e Telemarketing.

Para se manter no projeto, os jovens ou adolescentes terão que ter freqüência escolar mínima de 80% nas aulas. Os recursos do projeto são do Tesouro Municipal.

Projeto

Com o Palmas Para Igualdade Racial, implantado em 2006, pela primeira vez a Prefeitura desenvolve um programa exclusivo para a população negra, resgatando uma dívida histórica da Capital com esse grupo populacional. O programa pretende combater o preconceito étnico e racial, além de proporcionar a inclusão desses adolescentes e jovens vulneráveis ao desemprego, a violência e a exclusão social.

Fonte: Ascop

Por: redação

Tags: Igualdade Racial, Palmas, Rosimar Mendes