Cultura

Foto: Valéria Projeto é financiado pelo Ministério da Cultura, com o patrocínio da Petrobras Projeto é financiado pelo Ministério da Cultura, com o patrocínio da Petrobras

Brincadeiras de rua, oficinas e apresentações culturais são as atividades principais do Projeto Arte na Rua de realização da Universidade Federal do Tocantins com patrocínio da Petrobrás, MEC (Ministério da Educação) e MINC (Ministério da Cultura).

O Projeto acontece em Palmas há cerca de 6 meses sempre trabalhando com crianças carentes. Mas nesta sexta-feira (11/04), o Arte na Rua fará uma edição especial para a Melhor Idade do Tocantins. Buscando abranger outra camada da população palmense o Arte na Rua trabalhará nesta sexta às 19:00 horas no Centro de Convivência do Idoso em Palmas.

O projeto Arte na Rua, busca resgatar brincadeiras de rua e mostrar às crianças de baixa-renda da capital que é possível se divertir utilizando apenas a criatividade e a imaginação. Patrocinado pela Petrobrás e pelo Ministério da Cultura, alunos e professores voluntários da Universidade Federal do Tocantins (UFT) resgatam brincadeiras de rua nas comunidades periféricas de Palmas no projeto Arte na Rua.

Neste sábado e domingo (11/04 e12/04), o Arte na Rua fará edição especial dentro do Projeto Viver Taquaruçu da Prefeitura de Palmas. O grupo irá na trabalhar nos dias na Escola Crispim das 14:00 às 16:00 e na Praça Joaquim Maracaípe das 10:00 ao 12:00. Segunda a professora Roseli Bodnar, coordenadora do projeto e professora do curso de Direito da UFT, o Arte na Rua tem como proposta o resgate e revitalização de brincadeiras de rua, com o intuito de levar a cultura e o entretenimento e até mesmo recuperar a auto-estima das crianças e adolescentes que moram na periferia da cidade de Palmas.

Ela explica que o projeto acontece em comunidades carentes, em ruas sem asfalto, onde as crianças não tenham acesso à diversão, que não existam praças ou centros esportivos e com crianças que têm pouco recurso para comprar brinquedos. "O projeto retoma a idéia de brincar na rua, em estabelecer uma relação saudável e amistosa entre vizinhos e colegas de escola, que juntos possam brincar e desenvolver habilidades e a confiança para que tenham sucesso no processo de aprendizagem na escola, senso de equipe e generosidade, mas principalmente que os encante para a vida", diz Rose.

Reconhecimento Nacional

O Projeto Arte na Rua, foi selecionado pelo Programa de Apoio à Cultura: Extensão Universitária (Proext Cultura 2007) como um dos cinco melhores projetos culturais do país. No evento de premiação em Brasília que ocorreu em dezembro de 2007, a UFT esteve representada pela professora do curso de Direito, Rose Bodnar, coordenadora do projeto. Segundo Rose o resultado foi anunciado pelo ministro da Cultura, Gilberto Gil, em conjunto com o ministro da Educação, Fernando Hadaad.

O "Arte na Rua" foi considerado pelo Governo Federal como o projeto cultural mais importante do ano de 2007 da região norte do país, segundo ela, o MINC escolheu um projeto por região geográfica para fazer a premiação.

O projeto é financiado pelo Ministério da Cultura, com o patrocínio da Petrobras e conta ainda com o apoio da Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários (Proex), Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins (Fapto) e tem como integrantes os acadêmicos Leidiane Martins e Poliana Alves(Pedagogia), Cinthia Abreu, Ana Valéria Nepomuceno e Shara Rezende (Jornalismo).

O projeto acontece todos os finais de semana até o mês de maio deste ano. Bairros como União Sul, Vila Independência, ARNOS e outros já receberam a caravana do projeto Arte na Rua que atende à convites de escolas, associações de bairro e centros esportivos gratuitamente. Aos interessados em receber o projeto em sua região ou trabalhar como voluntário podem entrar em contato pelo telefone: (63) 9962-5813 com Rose Bodnar.

Por: redação

Tags: cultura, MEC, Petrobras, UFT