Palmas

Foto: Umberto Salvador Coelho

A inauguração da duplicação, pavimentação, drenagem, iluminação pública, ciclovia e paisagismo do prolongamento da avenida NS-03, perímetro entre as avenida LO-04 e LO-08, foi marcada pela presença do prefeito Raul Filho, que na oportunidade ligou a chave que acendeu as 51 luminárias instaladas na via. "Só quem viu nascer essa região norte é que sabe o quanto essa obra é importante. Agora contamos com mais uma via de deslocamento para as demais regiões da cidade", ressaltou, emocionado, o motoboy Ercival de Oliveira, morador da Arno 32, durante a cerimônia de entrega dos trabalhos executados na NS-03, nesta segunda-feira, 16.

Em parceria com o governo do Estado, a Prefeitura investiu cerca de R$ 2,5 milhões nos 33.774,68 m² de pavimentação asfáltica, além dos trabalhos de drenagem das duas pistas, a construção de um bueiro de concreto sobre o córrego Suçuapara e a construção da ciclovia. Já a iluminação, que custou R$ 130,5 mil, e o paisagismo foram executados com recursos do próprio município.

A construção de ciclovias é uma marca na gestão Raul Filho. "Inovamos ao investir em ciclovias em nossa cidade e temos visto os resultados, já entregamos vários trechos e até o final de ano entregaremos mais 13 km de ciclovias", destacou o prefeito.

Outra novidade dessa gestão é a implantação do novo sistema de iluminação pública, executado também na NS-03. Os postes, em vez de serem instalados às margens das pistas, como anteriormente, agora são implantados no canteiro central, economizando e iluminando com maior eficiência as novas ruas da Capital. Nas rotatórias foram instalados oito postes em torno dos canteiros e um no centro, levando maior segurança a quem transita pela avenida.

Segundo o secretário municipal de Infra-estrutura, Jânio Washington, o sistema de iluminação da NS-03 economiza energia, já que a partir da 24h só metade das luminárias ficam acesas, enquanto as outras apagam-se. "Para evitar a ação dos vândalos, a secretaria implantou mais de um quilômetro de extensão de rede de energia elétrica subterrânea", completou.

Fonte: Ascop

Por: redação

Tags: Palmas