Polí­tica

Foto: Divulgação

Segundo informações veiculadas neste domingo, 6, pelo jornal Atitude Online, de Gurupi, o governador cassado do Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB), vai desembarcar no PSB do deputado federal Laurez Moreira. A informação teria sido passada por um articulista político próximo a Miranda.

O jornal informa que discussões nos bastidores da política da capital apontam que a mudança de legenda está sendo articulada entre quatro paredes, tendo em vista a falta de mando no PMDB, sincronia ideológica e também a falta da boa convivência que ele tem passado com os líderes do seu partido e do DEM.

A fonte teria informado ao Atitude Online que um dos motivos de Marcelo Miranda mudar de partido deve-se ao fato do PSB ser um partido leve e sem caciques, ser da base do presidente Lula e ainda pelo fato de ter à frente o deputado federal Laurez Moreira, homem considerado de confiança de Miranda e que daria mais espaço para o grupo do governador cassado fazer suas articulações, inclusive projetar a sua candidatura ao senado federal em 2010.

A fonte disse ainda ao Atitude Online que, com a ida do governador ao PSB, o DEM e o PMDB serão os partidos que mais vão perder filiados e que a desfiliação partidária de Miranda deverá acontecer após o julgamento de embargos no TSE contra a cassação, previsto pra acontecer na próxima terça-feira, 8; sem mandato Marcelo Miranda ficará livre para se filiar em qualquer partido.

Dos homens de confiança de Marcelo Miranda só não serão convidados para se filiar no PSB os políticos que têm mandato. O motivo seria o risco de perderem seus mandatos por infidelidade partidária, disse a fonte, segundo o Atitude Online.

O certo é que esta informação poderá ser confirmada muito em breve, pois no dia 21 de setembro o PSB realizará um encontro regional em Palmas que contará com a presença do presidenciável Ciro Gomes (PSB-CE) e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

No encontro existe a expectativa que vá ocorrer um grande ato de filiações, sendo que já estão confirmadas caravanas do interior do Estado para participar do evento que ocorrerá no auditório da OAB.