Geral

Foto: Clayton Cristus

Deputados da Assembleia Legislativa do Tocantins participaram do lançamento das obras de terraplanagem e pavimentação asfáltica da rodovia TO-348, que liga a TO-80 ao município de Barrolânida, na manhã desta segunda-feira, dia 23. Ao lado do governador do Estado, Carlos Henrique Gaguim (PMDB), os parlamentares assinaram a ordem de serviço da obra na condição de testemunhas e, em seus pronunciamentos, enalteceram a importância do empreendimento para a região.

O presidente da Assembleia, deputado Júnior Coimbra (PMDB), explicou que, com o asfaltamento da TO, Barrolândia se tornará um dos municípios de melhor acesso à capital Palmas, tal como hoje são Paraíso do Tocantins e Porto Nacional. O apoio do deputado à emancipação do distrito de Luzimangues foi outro tema abordado por Coimbra na ocasião.

Para o petebista José Geraldo de Melo, “a iniciativa é o começo de uma série de ações que tornarão o Tocantins um canteiro de obras”. Já Marcelo Lelis (PV) lembrou a expressiva votação que obteve em Barrolânida ao candidatar-se a deputado. “É com muita alegria que vejo essa obra se iniciar no meu primeiro mandato do Legislativo estadual”, disse.

Por sua vez, o deputado Angelo Agnolin (PDT) comentou que a obra é uma mostra de que “o governo Gaguim ‘diz não’ aos que fazem críticas destrutivas e ‘diz sim’ para o progresso e para a prosperidade do Estado”. No mesmo tom, a republicana Luana Ribeiro enfatizou que “o povo não precisa de proselitismo político, mas de obras e de progresso”.

As realizações do governo Gaguim foram o teor do discurso do deputado Sargento Aragão (PPS). Entre eles, a negociação e o começo da quitação de débitos com os servidores do Quadro-Geral, da Saúde e militares. O parlamentar Stalin Bucar destacou a melhoria do acesso da produção rural como um dos principais benefícios da obra.

O deputado Fábio Martins (PDT) comentou que a medida mostra a visão do governo no futuro. Segundo o parlamentar, com a construção da Ferrovia Norte-Sul e da Plataforma Multi-modal o asfaltamento da rodovia se tornará um investimento necessário para o desenvolvimento da região.

Também participaram da cerimônia prefeitos, vereadores, deputados federais e populares que estiverem presentes no canteiro de obras na altura do km 14 da TO 80. A obra de 57,21 km vai custar aos cofres públicos cerca de R$ 43 milhões. O prazo de conclusão é de 1080 dias.

Fonte: Dicom/AL