Geral

Foto: Claudio Frascari

Um dia depois de assumir a presidência da Fundação Unirg o ex-reitor, Marcus Peixoto apresentou suas propostas e soluções para as reivindicações dos acadêmicos, professores e funcionários do Centro Universitário.

Durante coletiva com imprensa, Peixoto informou que todos saíram vencedores com os últimos movimentos que provocaram mudança no corpo do Centro Universitário. “Nessa luta todos foram vencedores. A marca da Unirg foi fortalecida. Agora os acadêmicos, professores e servidores terão mais participação nas decisões”, disse.

Em relação a paridade no Conselho Curador, o novo presidente noticiou que às 19h irá acontecer uma reunião onde serão definidas mudanças profundas na composição do Conselho Curador. “Vai haver a montagem de um novo Conselho Curador”, disse. Enquanto isso, nos bastidores, a noticia é que na nova composição do Conselho Curador terá dois representes da Asaunirg (Associação dos Servidores da Fundação UNIRG), dois representantes da APUG (Associação dos Professores Universitários de Gurupi), dois representantes da Câmara Municipal de Vereadores, dois representantes do Diretório Central dos Estudantes, dois representantes da Prefeitura Municipal, dois representantes da Reitoria e o reitor.

Peixoto garantiu ainda que, provavelmente, amanhã, quarta-feira, 25, os alunos deverão retornar as aulas. “Com a decisão tomada hoje amanhã os alunos devem voltar às aulas”, disse. Garantiu ainda que até o próximo final de semana os professores deverão receber seus vencimentos. “Foi pago a folha dos administrativos e os comissionados. Logo que cair os R$ 220 mil do Pró-Educar e com um pouco que a gente temos em Caixa, até o final de semana os professores estarão recebendo seus vencimentos”, disse.

Transição

O novo presidente classificou que a transição está acontecendo de forma tranquila. “A gestão que saiu está colocando totalmente à disposição. Isso sem picuinhas”, disse.

Portal Transparência

Peixoto informou que para manter a transparência da gestão o próximo passo será colocar todos os gastos e receitas da instituição no portal do Centro Universitário. “Vamos colocar tudo que envolver gasto e arrecadação. Com isso, os acadêmicos vão ver ser precisa ou não de aumento nas mensalidades com transparência. Tenho um bom relacionamento com a classe estudantil. A partir do momento que você tiver transparência você tem apoio”, disse.

Política na Unirg

De acordo com Peixoto o momento é de união entre a comunidade acadêmica, prefeitura e Câmara Municipal, frisando que quem vai definir os novos rumos da instituição será o Conselho Curador. “O momento é de união e quem vai gerir é a comunidade acadêmica com o apoio da Prefeitura e Câmara”. Neste sentido Peixoto expôs a representatividade de cada um no Conselho Curador, que será determinante nas decisões que envolvem a Fundação Unirg.

Mudanças

Peixoto disse que sua condição para assumir a Presidência foi de que ele tivesse autonomia e que no primeiro momento está se informando sobre a real situação em que se encontra a instituição. “Nossa mensagem é de otimismo. Tudo pode acontecer, se for necessário. Desde de que seja com racionalidade, sem picuinhas e sem revanchismo. Não tenho que cultivar sentimentos de revanche”, disse.

Vestibular 2010/1

Em relação ao vestibular, segundo Peixoto, o maior preconceito é da própria comunidade. “Existe mais preconceito de Gurupi do que das pessoas que vêm de fora. Isso não vai atrapalhar. O movimento fortaleceu a instituição e como característica de todo movimento teremos mais ganhos do que perdas”.

Semestre Letivo

Para que corrija os dias parados o novo presidente informou que o calendário letivo será prorrogado. “Todos estão conscientes que o calendário será prolongado”, disse.

Fonte: Atitude Online

Por: Redação

Tags: Asaunirg, Educação, Marcus Peixoto, Unirg