Geral

Foto: Alessandra Brito

Em discurso feito durante a reunião entre o governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB) e prefeitos, na tarde desta quarta-feira, 12, na Ahãndu Eventos, o ex-governador Marcelo Miranda (PMDB) afirmou que agora é o momento do governador Carlos Gaguim “segurar o manche da campanha”.

Com esse intuito, Marcelo Miranda ressaltou a importância das negociações por alianças partidárias, além de buscar a reaproximação de correligionários afastados do partido . Se dirigindo diretamente ao governador, o ex-governante do Tocantins foi enfático: “o senhor terá a missão de convocar esses líderes e esses partidos para conversar”.

Durante sua fala, o peemedebista deixou transparecer a possibilidade de uma chapa puro sangue do PMDB, tendo Leomar Quintanilha ao seu lado na campanha ao senado. “Levanta Leomar. Nós temos que caminhar juntos”, exclamou. Afirmou ainda que não será candidato ao senado por imposição.

Carlos Gaguim

Em seu discurso, o governador corroborou com as palavras de seu correligionário Marcelo Miranda. De acordo com o governador, o presidente regional do partido, deputado federal Osvaldo Reis “está apoiando o governador Gaguim, o senador Leomar Quintanilha e o senador Marcelo Miranda”.

O governador aproveitou a oportunidade para pedir o apoio e o voto dos presentes. Carlos Gaguim mostrou confiança para a campanha ao afirmar que pretende eleger, “no mínimo” 20 deputados estaduais e 6 ou 7 federais. Carlos Gaguim destacou que vai ganhar no primeiro turno, com 70% dos votos. “Não vou admitir segundo turno”, exclamou.

Carlos Gaguim ainda ressaltou que pretende levar uma campanha limpa, sem ataques aos adversários. O governador afirmou que não vai pressionar os prefeitos a dar apoio à sua candidatura. “Se um companheiro quiser apoiar outra ala, vamos trazer essa ala para junto de nós”, exclamou.