Polí­tica

Foto: Divulgação

O presidente do PMDB, deputado federal Osvaldo Reis desde o domingo, 8, vem tentando manter contato com o prefeito de Santa Fé do Araguaia e presidente da Associação Tocantinense de Municípios, Valtenis Lino (PMDB) na intenção de tentar reverter o apoio de Valtenis ao ex-governador Siqueira Campos (PSDB), candidato ao Palácio Araguaia pela coligação Tocantins Levado a Sério. O prefeito está na base e trabalhando indiretamente na campanha do ex-governador.

Reis esteve na casa do peemedebista neste domingo, 8, mas não o encontrou e apenas deixou recado. Segundo as informações, o presidente do PMDB tentará nesta segunda-feira, 9, conversar com Valtenis.

Depois que o presidente da ATM revelou ao Conexão Tocantins que Reis estava com tudo pronto para apoiar Siqueira e depois desistiu, não houve contato entre os dois.

Valtenis afirmou a pouco que se Reis fizer a proposta para que ele apóie a reeleição do governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB) irá passar vergonha. “Ele não tem coragem de fazer essa proposta, ele passará vergonha se fazer isso”, disse, lembrando a situação que Reis o colocou.

Valtenis afirmou que votará em Reis mas que não fará a campanha do peemedebista, outro fato que o deputado tenta reverter.

Sem contato

O Conexão Tocantins tenta contato com o peemedebista para repercutir o assunto com ele, no entanto, o telefone do parlamentar é atendido por um assessor que afirmou ter dificuldades de repassar os recados e ainda de retornar as ligações.

Segundo o assessor, Reis está articulando apoio de prefeitos do Bico para a campanha do governador e ainda conversando com algumas lideranças do interior no intuito de refazer suas bases.

Nesta segunda, o deputado passa por Luzinópolis, Wanderlândia, Araguatins e Darcinópolis.