Polí­tica

Foto: Divulgação

Em entrevista ao Conexão Tocantins na tarde desta quinta-feira, 19, o secretário de governo do Tocantins, Carlos Braga, rebateu as críticas feitas pelo prefeito de Santa Fé do Araguaia, Valtenis Lino (PMDB). Braga rechaçou a hipótese levantada por Lino de que o governador Carlos Gaguim (PMDB), candidato à reeleição, estaria fazendo um governo paralelo contra os municípios cujos prefeitos são seus opositores.

De acordo com o secretário, Valtenis deveria agradecer ao governador por obras e veículos entregues ao município pelo governo do Estado, entre eles, a ambulância que o presidente da Associação Tocantinense de Municípios alegou não ter recebido por perseguição do Estado. “A ambulância foi entregue a ele, e os vereadores foram convidados a receber também, afinal são eles (os vereadores) que fiscalizam as prefeituras”, completou.

Braga ressaltou que a responsabilidade pelas melhorias na saúde, não é exclusivamente do governo do Estado. De acordo com ele, “a responsabilidade da saúde é dos Municípios, Estado e União”.
Braga informou ainda que as ações do governador, já apontam para uma não perseguição de prefeitos por parte de Gaguim. “A maior prova é que entregamos dois ônibus e agora estamos entregando uma ambulância”, afirmou.

Incoerência de Valtenis

O secretário de governo do Tocantins apontou certa incoerência no discurso do presidente da ATM. De acordo com Braga, há pouco tempo, Valtenis teria afirmado que o governador não discrimina prefeito algum e agora estaria mudando de opinião. “Primeiro ele (Valtenis Lino) falou que o governador não discrimina os prefeitos”, completou.

Para finalizar a entrevista, Carlos Braga ainda mandou um recado direto ao prefeito Valtenis. “Em vez de ele cuidar da gestão dele, ele cuida da gestão do governador”, alfinetou.