Polí­tica

Foto: Divulgação

O fato de não ter sido convidado para integrar até o momento a equipe de governo do governador Siqueira Campos (PSDB) frustou a expectativa do peemedebista de Miracema, Rainel Barbosa que apoiou o tucano na campanha.

O peemedebista salientou ao Conexão Tocantins que está aguardando para ver se será encaixado na equipe. Segundo Rainel, há expectativa também em Miracema com relação à sua participação no governo.

“Tenho falado com Eduardo ultimamente mas tem muita conversa, muita promessa”, disse. “Eu achei que seria aproveitado em alguma necessidade mas se não for não tem problema”, disse.

Rainel conta que não houve negociação prévia de participação no governo mas que Siqueira e Eduardo manifestaram interesse que ele estivesse na equipe. “O próprio Siqueira Campos no aeroporto de Miracema falou que precisava de mim no governo dele mas não ficou nada acertado”, disse.

Reflexos da adesão

O peemedebista frisou que muitos do grupo de Siqueira reconheceram que sua adesão foi importante e teve impacto positivo. “Cheguei numa hora certa, numa hora precisa”, frisou.

Uma das principais articuladoras para a ida de Rainel foi a senadora Kátia Abreu.“Quando eu tomei decisão de apoiar falei que era incondicionalmente, nem que ele não quisesse meu apoio. Era questão de honra votar contra o ex-governador Gaguim”, salientou.

A composição de Siqueira ainda não foi concluída.