Polí­tica

O governo estadual busca a solução imediata para suprir os cargos administrativos dos 19 Hospitais regionais, já que maioria dos servidores foram exonerados .

A parte administrativa de alguns hospitais como o Dona Regina têm setores que não ficou nenhum servidor o que está implicando em alguns encaminhamentos internos.

O governo busca até o final da tarde uma solução para remediar a situação conforme afirmou ao Conexão Tocantins nesta sexta-feira, 14, Raimundo Boi que faz parte da comissão de saúde instituída pelo governador Siqueira Campos.

“Em parte estamos sem servidores mas na verdade as coisas estão acontecendo dentro da normalidade. Estou indo para a Casa civil e para a Administração ver como fica a situação”, salientou.

Raimundo Boi garantiu porém que está tudo sobre controle e que não há tumultos. A Sesau não sabe estimar ainda quantos servidores da parte administrativa dos hospitais precisarão ser recontratados. “Estamos fazendo esse levantamento”, disse.

O governo preservou os cargos dos serviços essenciais na saúde para garantir a continuidade dos serviços na parte operacional assim também como na educação.