Educação

Foto: Lia Mara

Cuidar e educar. Com este lema, o Governo do Tocantins entregou na tarde desta quinta-feira, 17, a Escola Estadual de Tempo Integral (ETI) Rachel de Queiroz, a primeira nesta modalidade de ensino, na rede estadual do Tocantins. A unidade fica no Aureny III, em Palmas e terá inicialmente 600 alunos matriculados, que além das disciplinas básicas de ensino, como português e história, terão diversas atividades extracurrilares que contribuirão para seu desenvolvimento como cidadãos.

A escola funciona em um prédio que foi construído para esse fim, mas nunca havia sido utilizado, e conta com 10 salas de aula, laboratório de informática, sala de xadrez, sala para aula de música, experimentos de matemática, refeitório, quadra de esporte, espaço para dança, judô e ainda possui espaço para construção de piscinas e instalações necessárias para a práticas de esportes, que serão construídas ainda este ano.

De acordo com o secretário estadual de Educação, Danilo de Melo Souza, esta é uma das 20 escolas que serão entregues até o final deste ano em todo o Estado. “Temos projetos arquitetônicos para construir onde não existem prédios adptáveis; e onde existem, vamos levar este modelo de educação que educa para o trabalho, tornando as crianças sujeitos ativos, desenvolvendo suas habilidades estéticas, com noções de ética e responsabilidade. Tudo dentro de uma proposta de pensamento criativo”, afirmou o secretário, acrescentando que as adaptações feitas na escola, foram realizadas com recursos do Governo Estadual, mas o mesmo já busca parcerias com o Governo Federal para o restante da obra e para a construção das outras unidades.

Segundo a diretora da escola, Cristiane Cattony Nasser, a próxima semana será de treinamento para os professores, porque alguns que integram o quadro, não tinham experiências com a modalidade de ensino oferecida no local. “Após esta semana, já começaremos as aulas e estamos muito felizes por contribuir com a realização do sonho da comunidade”, enfatizou a educadora.

Para a aluna Sarah Rachel Carvalho, que estudou dois anos na Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Eurídice Ferreira de Melo, e na ocasião cantou a música Força Estranha, composição de Roberto Carlos, este modelo de escola pode transformar uma vida. “Na escola de tempo integral, a gente aprende além do que imagina, foi lá que descobri a paixão pela música e hoje não sei o que seria da minha vida sem ela”, disse.

O secretário de Planejamento e Modernização da Gestão Pública, Eduardo Siqueira Campos, que representou o governador Siqueira Campos no evento, falou da felicidade de começar a cumprir os compromissos assumidos com o povo tocantinense em época de campanha. “Estamos dando o primeiro passo para tirar nossas crianças das ruas, recebendo educação de qualidade, três refeições por dia. Tudo isso, porque o governador Siqueira Campos acredita que ainda há tempo de recuperar nossas crianças do crac e dar uma vida digna a todas as família deste Estado”, afirmou.

Fonte: Secom