Esporte

Foto: Divulgação

O 19º Rally dos Sertões deixou o Tocantins nessa segunda-feira, 15, deslocando-se para cumprir a 6ª Etapa da prova até Balsas (MA). O Governo do Estado, através da Agência de Desenvolvimento Turístico (Adtur) capitaneou a ação de recepção à passagem dos competidores por Gurupi, Porto Nacional e Lizarda. A Adtur enviou equipe de técnicos a todos os locais do roteiro determinado pela Dunas Race, promotora da competição, e estes profissionais conferiram e propuseram acertos logísticos com as prefeituras das cidades, para garantir que o Rally dos Sertões fosse bem recebido e contasse com uma infraestrutura de comunicação, segurança, instalação das equipes dos pilotos, de acordo com a proposta enviada.

A Adtur esteve presente nos municípios por onde passou o Rally, divulgando os atrativos turísticos do estado, distribuindo folders e revistas produzidos com o slogan “Tocantins, A Sétima Maravilha da Amazônia” e, em ação conjunta com a Secretaria Estadual de Comunicação (Secom), apoiou os pilotos do Tocantins que estão competindo na prova, com o adesivamento dos carros e motos, e fornecendo jaquetas, bonés e camisetas para as equipes, além de identificação visual da Área de Box com testeira e portal inflável. Prevendo a deficiência dos equipamentos hoteleiros em Lizarda, o presidente da Adtur, Lucio Flavo Adorno, autorizou dois turismólogos a fazer levantamento de oferta alternativa de leitos para a caravana do Rally e visitantes. Os moradores disponibilizaram 391 vagas, o que solucionou o problema, já que os dois únicos hotéis da cidade ficaram lotados.

Secretarias apoiaram

Nesta edição do Rally dos Sertões,que contou com 150 veículos e em torno de 1500 participantes entre pilotos e equipes de apoio, a Adtur contou com a participação dos gestores dos municípios envolvidos, e também com a atitude positiva de órgãos estaduais que uniram-se ao projeto, como a Secretaria de Trabalho e Ação Social (Setas), que ministrou cursos de Artesanato e Panificação Solidária, em Lizarda, e entregou o Cartão do Idoso a 74 pessoas.

A Secom liderou grupo institucional composto por Naturatins, Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Defesa Civil/Bombeiros, Ibama e Adapec, com ações educativas e de conscientização ambiental do Programa de Ação Controle das Queimadas do Tocantins (PACQTO), em Novo Acordo, Ponte Alta do Tocantins, Mateiros, São Félix do Tocantins, Porto Nacional e Lizarda. A Secretaria da Juventude e Esportes (Sejuves) realizou atividades esportivas e recreativas e a Polícia Militar assegurou a segurança e cumprimento das etapas da maratona de aventuras enquanto percorreu o trajeto no Estado.

A economia dos municípios teve substancial reforço com a passagem do Rally dos Sertões, de 12 a 15 de agosto. Em Gurupi os cinco melhores hotéis ficaram sem vagas disponíveis, bem como em Porto Nacional e em Lizarda. Segundo a senhora Ismênia Amaral Rezende, da Pousada Primus, foram alugados os 30 leitos e mais espaço particular, a 40 reais por pessoa. O Hotel Maragogipe, do senhor José Edmilson Pugas, em função do pernoite dos pilotos acontecendo pela primeira vez em Lizarda, teve os 10 apartamentos lotados, a 40 reais por pessoa, e mais de 300 refeições foram consumidas em seu restaurante, por 15 reais, em dois dias. Segundo ele, a comitiva do Rally dos Sertões deveria passar por sua cidade pelo menos três vezes ao ano. Bancas de artesanato, bolos e frutas foram montadas nas ruas e praças da cidade, e lanchonetes e padarias atenderam bem a comitiva. Os jornalistas que acompanham o Rally elogiaram a Sala de Imprensa montada pela Prefeitura local, com internet wireless com sinal aberto e mesa de frutas e sucos á vontade.

Turismo Comunitário

O presidente Lucio Flavo irá prosseguir, após o final do evento, os contatos com o senhor Marcos Moraes, da Dunas Race, que propôs-se a desenvolver ação na comunidade do Prata, em São Félix do Tocantins, no Jalapão, após a passagem do Rally dos Sertões. Lá, a Dunas irá apoiar o Turismo de Base Comunitária, com adequações de residências com camas e banheiros, para hospedagem alternativa de visitantes. Também será construído e equipado restaurante “Sabor do Quilombo”. A Adtur responsabiliza-se pela qualificação da mão de obra local, oferta de cursos de gestão, hospitalidade e gastronomia, além de monitoramento do projeto. (Ascom Adtur)