Turismo & Lazer

Foto: Divulgação

Os atrativos turísticos do Jalapão; Cachoeira da Velha e Prainha terão seu receptivo de visitação modificado a partir deste Carnaval já que a Agência de Desenvolvimento Turístico (Adtur), implantará novas normas de ordenamento, através do voucher, instrumento de controle necessário para garantir o acesso de grupos de turistas nas visitas aos atrativos, respeitando a capacidade de carga. Esta é uma ficha com dados sobre o visitante e de caráter comercial, utilizado em todo o mundo.

No Jalapão, reconhecido como ecossistema frágil, a medida quer garantir a preservação ambiental, coibindo o comportamento dos turistas que venham a prejudicar o atrativo natural. Inicialmente este será um projeto piloto, inclusive sem cobrança financeira. Em reunião na Adtur, o presidente Lúcio Flavo apresentou aos operadores de turismo do estado a nova normatização, recebeu sugestões e teve o consentimento de todos, que consideraram a medida necessária para evitar o comportamento inadequado de visitantes. Uma decisão regulamentada é a proibição de acampamentos na Prainha do Rio Novo.

Com regras públicas de visitação divulgadas, o turista passa a conhecer seus direitos e deveres durante sua permanência no local e o Estado responsável por acompanhar a visita adquire autoridade para cobrar que o mesmo tenha uma conduta dentro das regras determinadas, afirma o presidente da Agência de Desenvolvimento Turístico, Lúcio Flavo. E acrescenta: temos que criar uma postura ecologicamente correta, criando nova cultura de visitação.

A Adtur contratou, provisoriamente, dois guias e dois condutores ambientais, de Mateiros e Ponte Alta do Tocantins para acompanhar os grupos de turistas neste período porque não será permitido visitar o atrativo sem a presença de condutor local cadastrado.Também vai ser aplicada a Pesquisa da Demanda Turística, que levanta o perfil do visitante para a execução de futuros investimentos empresariais e divulgação.

Normas

As operadoras que vendem pacotes para estes atrativos do Jalapão estão cientes que a nova normatização implicará controle da demanda na Cachoeira da Velha em 91 pessoas ao dia, com 13 grupos de 7 pessoas. Na Prainha do rio Novo, serão permitidas apenas 77 pessoas ao dia e grupos de 7 pessoas, com tempo de permanência nos atrativos de duas horas.Este monitoramento será feito por equipes da Adtur no carnaval, e a Agência afixará placas de sinalização com informações sobre as normas, além de divulgação.

A ação vai contar com a parceria do Naturatins, Corpo de Bombeiros e Cipama. Em visita ao coronel Erli Lemes de Lima, comandante do Corpo de Bombeiros, o presidente recebeu dele a garantia da capacitação dos guias e, após a operação de carnaval, a realização de curso para formar o “Grupo de Salvamento Voluntário”, no Jalapão, requisito fundamental para destinos de aventuras, com segurança aos visitantes.

No site

A partir de agora será disponibilizado no site da Adtur Relatório com informações estatísticas sobre os turistas que visitam a região do Jalapão, especificamente a área da Fazenda Triago ,que engloba os atrativos turísticos naturais Cachoeira da Velha e Prainha do Rio Novo. Ali tem-se a visão de gráficos sobre a demanda e oferta local para pesquisadores, curiosos, mas principalmente para o trade turístico.

Esta ação de controle do fluxo turístico da área é subseqüente ao ordenamento turístico que vem sendo gradualmente implantado. O controle ocorre através da aplicação da ficha do visitante, uma ficha de cadastro individual cujo preenchimento é exigido a cada turista que visita os atrativos. Esta ficha fornece as seguintes informações: data, hora de entrada, nome completo, idade, sexo, país de origem, estado, cidade, agência (operadora), guia e o perfil do turista. Tais informações após coletadas são sistematizadas para gerar os gráficos que contém as estatísticas da visitação. (Ascom Adtur)