Estado

Os sindicatos representantes dos servidores públicos estão reunidos na manhã desta sexta-feira, 23, na sede do Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (SISEPE-TO), em Palmas, debatendo a proposta apresentada pela Secretaria da Administração (Secad) na tarde dessa quinta-feira, 22 de março. A proposta, conforme apresentado pelo secretário Lúcio Mascarenhas, prevê o início do pagamento das progressões apenas a partir de janeiro de 2013.

Da mesma forma, o governo pretende deixar para o mesmo mês o inicio do pagamento do retroativo destas progressões que, por sua vez, seria parcelado em 36 meses.

Para o presidente do SISEPE-TO, Cleton Pinheiro, a proposta não atende ao anseio das categorias, já que o Executivo pretende deixar para o ano que vem um pagamento que já está atrasado desde o ano passado. Os sindicatos debaterão uma contraproposta que será apresentada na próxima reunião com a Secad, agenda para o dia 29 de março.

Também no dia 29 está prevista a apresentação, pelo governo, da proposta de alteração na tabela financeira dos Planos de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), necessária para solucionar o problema dos servidores que atingiram o final da atual tabela. (Ascom Sisepe)