Estado

Foto: Divulgação

Charles Choi (Chang Hyun Choi), vice-presidente mundial do grupo sul coreano Hana, em companhia de Daltron Patrício, vice-presidente do grupo para América Latina, comunicou na tarde desta terça-feira, 10, ao Governador Siqueira Campos, o interesse em investir no Estado. O conglomerado é formado pela Hana Innosys, líder de integração de sistemas na indústria de identificação automática, incluindo RFID (Radio-Frequency IDentification), móbile e identificação online, empresa também especialista em soluções de rastreabilidade, soluções de segurança de rede e controle de dispositivo incorporado.

Pela Hana Mícron, uma das maiores empresas do mundo em montagem de semicondutores, líderes do setor, como Samsung e Hynix e prestadora de serviços de teste. E pela Hana Silicon, uma subsidiária da Hana Mícron, que fornece as peças consumíveis para o processo de corrosão de semicondutores com cristal de ponte (lingote), cultivo e processamento de tecnologias.

Os empresários informaram ao Governador que pretendem fazer uma parceria público privada em várias áreas da administração pública, gerando economia e, ao mesmo tempo, aumento de arrecadação para os cofres públicos. Eles citaram vários casos de sucesso no país, como a fábrica de semicondutores HT Mícron, junto à Unisinos, no Rio Grande do Sul, e projetos em vários outros Estados, como Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Bahia e Ceará, envolvendo desde o sistema educacional a investimentos na área rural para pequenos empreendedores.

O Governador Siqueira Campos ficou interessado na transferência de conhecimentos por parte dos empresários sul coreanos, especialmente na implantação do Parque Tecnológico do Tocantins.Acompanharam a audiência os secretários Arrhenius Naves, da Comunicação; Jaime Café, da Agricultura; Agimiro Costa, da Setas; e o superintendente da Indústria e Comércio, Alaor Junqueira, que foi autorizado pelo Governador a articular os contatos com as diversas áreas administrativas do Estado. (Secom)