Polí­tica

Foto: Divulgação

Pesquisa realizada pelo Instituto Stylo (Promotion Editora Eventos e Promoções LDTA) apontou, na espontânea, o candidato a prefeitura de Palmas Marcelo Lelis(PV) com 40,85% das intenções de voto para as eleições da capital. Em segundo lugar aparece a candidata Luana Ribeiro (PR) com 18% seguida de Carlos Amastha(PP) com 16,29.

O candidato Fábio Ribeiro (PT do B) aparece com 1,71%, seguido do Professor Adail (PSDC) com1,43%, Dr. Luciano (PRP) com 1,14% e Aberlado Gomes (PSOL) com 0,29% das intenções.

Na pesquisa direcionada, quando todos os nomes dos candidatos foram apresentados aos eleitores pesquisados ,o candidato Marcelo Lelis continua liderando com 45,43% das intenções. Luana Ribeiro obteve 22% e Carlos Amastha 16,86.

Os demais candidatos não tiveram alteração no percentual com relação a pesquisa direcionada.

Não responderam ou votam branco/ nulos 20,29% dos entrevistados na espontânea e 11,14% na direcionada.

Rejeição

O candidato Marcelo Lelis também lidera a rejeição com 21,14% da opinião dos entrevistados. Em seguida vem o empresário Carlos Amastha com 15,71 praticamente empatado com a candidata Luana Ribeiro que obteve 15,43% de rejeição.

Os candidatos Aberlado Gomes e Professor Adail aprecem com 6,86% e Fábio Ribeiro e Dr. Luciano também empatados com 5,71% de rejeição pelo eleitores. 22,58 % dos entrevistado optaram por não responder ou votam branco/nulo.

Pesquisa

A pesquisa foi encaminhada à Justiça Eleitoral sob o protocolo nº TO-00038/2012 contratada pela Promotion Editora Eventos e Promoções LDTA e registrada no sistema de registro de pesquisas eleitorais em 24/07/2012.Foram ouvidas 350 pessoas nas regiões nas regiões SUL, NORTE, JK, Taquaralto e Taquaruçu entre os dias 27 e 28 de julho.

Analisando o perfil dos entrevistados no quesito idade, 15,43% dos entrevistados são jovens de 16 a 20 anos de idade, 37,71% na amostragem de 21 a 30 e 43,72 % dos entrevistados estão na faixa etária de 31 a 60. Apenas 3,14% apresentaram idade acima de 61 anos.

Quanto a escolaridade, 2,00 % dos entrevistados se declararam analfabetos, 12,29 % disseram ter apenas o primário, 17,71 % declararam ter o primeiro grau completo, 58 % das pessoas ouvidas possuem segundo grau e 9,71 % têm superior completo.

No que tange a renda familiar dos entrevistados 23,71 % dos entrevistados declararam renda de um salário mínimo, 52, 01% declararam de dois a três salários e 17,14% responderam a de 3 a 6 salários mínimos. Apenas 2,57% dos ouvidos responderam ter renda familiar acima de 6 salários. 4,57% preferiram não responder sobre a renda mensal.

A pesquisa ouviu 162 mulheres e 188 homens, totalizando um percentual de 53,71% do sexo masculino e 46,29% do sexo feminino.