Estado

Foto: Secom

O governador Siqueira Campos (PSDB) informou através de nota oficial da Secretaria Estadual da Comunicação (Secom), que irá entregar à presidenta Dilma Rousseff (PT) pedido de retirada do Tocantins da lista dos Estados com horário de verão. 

De acordo com a Secom, Siqueira pretende entregar a solicitação pessoalmente à presidenta e ao ministro de Minas e Energia, Edson Lobão, durante evento de inauguração da Usina Hidrelétrica de Estreito, na manhã desta quarta-feira, 17.

O governador justificou que mudou de posição em atenção aos “apelos de comerciantes, empresários e cidadãos tocantinenses”. Contudo, mesmo com a entrega pessoal do pedido à presidenta e ao ministro de Minas e Energia, o governador poderá obter uma resposta negativa quanto a retirada do Estado da lista do horário de verão.

O deputado federal César Halum (PSD), em visita ao secretário nacional de Minas e Energia, Ildo Wilson Grüdtner, ouviu que seria impossível revogar o decreto que inseriu o Tocantins entre os Estados com horário de verão previsto para iniciar no próximo dia 21.

Confira abaixo a íntegra do comunicado emitido pela Secom:

COMUNICADO

Sensível aos apelos de comerciantes, empresários e cidadãos tocantinenses, o Governador Siqueira Campos solicitará à presidente Dilma Rousseff e ao ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, a desistência do Tocantins da adesão ao horário de verão.

Nesta quarta-feira, 17, durante a inauguração da Usina Hidrelétrica de Estreito, o Governador entregará pessoalmente à presidente Dilma Rousseff e ao ministro Edison Lobão ofício, com a formalização do pedido. O ofício foi elaborado na noite dessa terça-feira, 16, pela Casa Civil do Estado.