Estado

Foto: Divulgação

A Confederação Nacional dos Municípios divulgou pesquisa que mostra a previsão de pagamento do 13º salário aos mais de cinco milhões e quatrocentos mil servidores municipais. Os dados do Tocantins mostram que o aumento de 1% no repasse do Fundo de Participação dos Municípios ajudou 82% dos municípios pesquisados a pagar o 13º terceiro. A mostra da pesquisa foi de 68 municípios, ou seja, quase 49% dos municípios do Estado.

Os dados mostram que 55% dos municípios pesquisados vão pagar até esta quinta-feira, 20, o 13º. Deste total 26,5% informaram que vão atrasar o pagamento e apenas 18,4% confirmou já ter pagado o benefício. Apenas 27% dos municípios pesquisados informaram que optaram por pagar o 13º parcelado.

Com relação ao salário do funcionalismo municipal os dados mostram que 86% está com o pagamento em dia e 13,2% está em atraso. Já sobre o pagamento da folha de dezembro o índice de municípios pesquisados que confirmou o atraso foi de 22,1%. Outros 77,9% disseram que vão quitar o pagamento em dia.

Os atrasos tanto no 13º como na folha de dezembro pode ser explicado pela grave crise financeira que os Municípios brasileiros têm passado neste final de mandato.

Regime de Trabalho

A CNM questionou os municípios também sobre o regime de trabalho dos servidores nos municípios pesquisados. Maioria deles (58%) informou que o regime adotado é estatutário. 23,6 adotam o regime da CLT e 17,9%  aplicam os dois regimes citados.

Geral

No total,segundo estudo da CNM, 1.254 Municípios já pagaram seus servidores este ano, e 3.881 devem fazer até esta quinta e 430 declaram que terão dificuldades em honrar este compromisso.