Economia

Foto: Divulgação

A inauguração da Sala do Empreendedor de Gurupi, que aconteceu na noite da sexta-feira (01/03), foi bastante concorrida, tendo sido prestigiada por significativo número de autoridades e de representantes da classe empresarial.

Fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Gurupi e o Sebrae Tocantins, a Sala do Empreendedor, passa a disponibilizar,  gratuitamente,  assessoria técnica necessária para o empreendedor individual crescer e prosperar no mercado.

O secretário de Desenvolvimento e Meio Ambiente de Gurupi, Pedro Dias Correia destacou que a partir de agora, os pequenos empreendedores terão mais comodidade para receber orientações de como proceder para participar de licitações públicas ou quando precisarem de auxílio técnico para captação de recursos junto aos agentes financeiros, que lhes permitam expandir seus negócios.

O chefe de gabinete da Prefeitura de Gurupi, Gutierres Torquato, representou o prefeito Laurez Moreira (PSB), justificando sua ausência no evento devido a uma audiência no Palácio Araguaia.

Gutierres afirmou que o prefeito Laurez sempre esteve aberto às parcerias visando a promoção do desenvolvimento socioeconômico de Gurupi e que, mais especificamente, a parceria com o Sebrae na implantação da Sala do Empreendedor vai dar excelentes frutos e movimentar ainda mais a economia na cidade.

Fortalecimento da Economia

A superintendente do Sebrae,  Márcia Rodrigues de Paula considerou que a inauguração da Sala do Empreendedor é  um marco na história do empreendedorismo no município e informou que a Lei Geral das Micros e Pequenas Empresas, devidamente implantada em 20 municípios tocantinenses, favorece hoje, 70% das empresas, com reflexo positivo no fortalecimento da economia. 

Dados do Sebrae apontam que, atualmente, existem em Gurupi cerca de 3.000 pequenos negócios, dos quais, 1.466 são micro-empreendedores individuais. A superintendente do Sebrae ressaltou, neste contexto, a importância das ações de políticas públicas incentivando o uso de poder de compra do município a favor dos pequenos negócios. “Esta estratégia garante a retenção da riqueza dentro do município e a consequente da empresa de Gurupi”, finalizou. (Secom Prefeitura de Gurupi)