Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado federal Lázaro Botelho (PP) reiterou nesta terça-feira, 16, apoio a categoria de agentes e guardas prisionais, integrantes de escolta de presos e a guardas dos serviços portuários do país. Nesse momento a Câmara analisa o Projeto de Lei 5982/09 que estende o direito de portar arma de fogo fora de serviço à categoria.  A proposta tramita em caráter conclusivo, ou seja, dispensa votação em plenário.

O Projeto estende aos profissionais o que hoje é garantido aos policiais federais, rodoviários federais, ferroviários federais, civis e militares, bombeiros militares, policiais do Poder Legislativo Federal e as Forças Armadas.

Na avaliação do deputado, é importante garantir tratamento igualitário para todos aqueles que compõem o sistema de segurança pública no Brasil, sobretudo a aqueles que têm a vida exposta diariamente, e defendeu que a proposta precisa ser discutida com bastante prudência.