Estado

Foto: Divulgação

Na manhã deste sábado, 11, moradores e comerciantes de Ananás revoltados com a falta de segurança e com a onda de assaltos, roubos a residências e comércios do município, saíram em protesto pelo centro comercial.

A manifestação percorreu a Avenida Brasil e Duque de Caxias. De forma pacífica, idosos, jovens, crianças e comerciantes participaram do protesto contra a violência.

Durante toda a caminhada a comunidade clamava por respostas do poder público aos inúmeros ofícios encaminhados a Secretaria Estadual de Segurança Pública por partes dos vereadores e prefeito. A vereadora Veruska Balbino, afirmou que a câmara de vereadores encaminhou vários ofícios a própria secretaria, acrescentou ainda que a resposta que obteve foi que não tinha delegado a disposição para assumir o comando de Ananás.

Vários questionamentos foram feitos ao comandante do batalhão da polícia militar, um deles foi a questão de soltura dos bandidos, outro ponto foi a demora no atendimento ao chamado do 190, demora no atendimento as vítimas e a comunidade.

Para a presidente da Associação Comercial e Industrial de Ananás (Acian), Mary Ivone, os atos dos infratores preocupa a classe comerciante do município, “estamos à mercê dos bandidos, o alvo deles tem sido nossas residências e nosso comércio”, disse. A presidente acrescentou ainda que precisa do apoio dos deputados que a comunidade elegeu e que procurem sentar com o governo e cobrar um delegado urgente, “é isso que queremos e esperamos deles”, afirmou.

Acontecimento

Indignados com os dois últimos roubos que aconteceram esta semana em que os bandidos invadiram a residência de um casal de empresários e disparam tiros contra a família, foi que a comunidade se mobilizou através das redes sociais para realizarem uma manifestação que contou com o apoio dos comerciantes que fecharam seus estabelecimentos e saíram às ruas da cidade pedindo justiça e segurança.

Por: Letícia Cardoso (Colaboração)

Tags: Ananás, Mary Ivone, Poder Público, Veruska Balbino