Estado

Será realizada nesta terça-feira, dia 21, às 9 horas da manhã, no Palácio Araguaia, a primeira reunião do conselho formado pelos 16 prefeitos da Região Metropolitana de Palmas (Metropalmas) e o governador Siqueira Campos.  Projeto de autoria do executivo e aprovado em dezembro passado por unanimidade pelos deputados estaduais, a Região Metropolitana de Palmas possibilitará maior poder de organização e de negociação de verbas para obras públicas que possibilitarão maior desenvolvimento da região.

O organismo buscará soluções para problemas que afetam diretamente a população da região e do Estado, como a mobilidade urbana e a infraestrutura das cidades, adotando providências que irão melhorar a qualidade de vida do povo tocantinense. Em breve esses benefícios serão ampliados com a criação das regiões metropolitanas de Araguaína e Gurupi.

Ao todo, os municípios somam mais de 437 mil habitantes, cerca de 30% da população tocantinense. Da região, fazem parte quatro dos maiores municípios do Tocantins: Palmas, Porto Nacional, Paraíso do Tocantins e Miracema do Tocantins. A criação da Região Metropolitana de Palmas possibilitará a implantação do projeto de mobilidade urbana planejado pelo Governador Siqueira Campos. Conforme o projeto, a capital pode receber um metrô de superfície, além de ligação com os municípios vizinhos por trem e rodovias duplicadas.

Desde que assumiu o governo, em 2011, o governador Siqueira Campos tem colocado como prioridade o tema do metrô de superfície. Desde o início da atual gestão, Siqueira Campos escalou auxiliares para discutir projetos e propostas para viabilizar a obra. Em maio de 2012, o governador liderou uma comitiva em missão oficial à Espanha. Na oportunidade, se reuniu com empresários em busca de parceria para o metrô de Palmas. Negociações foram adiantadas e, além da discussão de projetos, empresários espanhóis estiveram em Palmas para discutir o assunto.

Metropalmas

A criação da Metropalmas, que beneficiará diretamente 15 municípios e a capital, gera grande expectativa entre os gestores das cidades membros. Além de Palmas, fazem parte da Região Metropolitana os municípios de Aparecida do Rio Negro, Barrolândia, Brejinho de Nazaré, Fátima, Ipueiras, Lajeado, Miracema, Miranorte, Monte do Carmo, Oliveira de Fátima, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional, Pugmil, Silvanópolis e Tocantínia. (ATN)