Polí­tica

Foto: Divulgação

A senadora Kátia Abreu (PMDB) conseguiu liberar, nesta quinta-feira, 3, a primeira parcela dos recursos do Ministério da Educação/FNDE para a construção da Escola de Tempo Integral Vila Azul, em Araguaína. Além de gestões no Ministério da Educação, Kátia Abreu pediu também à presidente Dilma Rousseff a liberação dos recursos. O Ministério da Educação empenhou no dia 1º de julho recursos da ordem de R$ 2.444.422,87. O montante faz parte da primeira parcela do valor total para a construção da Escola de Tempo Integral Vila Azul pleiteado pela senadora Kátia Abreu, a pedido do prefeito Ronaldo Dimas, no valor de R$ 11.838.417,40. O montante liberado da primeira parcela destina-se ao início das obras, a partir do qual o restante deverá ser disponibilizado.

A construção da Escola de Tempo Integral da Vila Azul é solicitada pela senadora Kátia Abreu e o prefeito Ronaldo Dimas desde o início do ano passado. De lá até aqui, a Senadora e o Prefeito estiveram em audiência com o ex-ministro da Educação, Aluizio Mercadante e com o secretário nacional de Educação Básica. Com a ida de Mercadante para a Casa Civil da Presidência, a senadora Kátia Abreu continuou as gestões com o novo ministro da Educação, José Henrique Paim.

O Ministério da Educação também liberou recursos solicitados pela senadora Katia Abreu para a Escola Municipal Thezilda Sampaio de Oliveira, de Taipas, no valor de R$ 1.021.956,00, sendo empenhada a primeira parcela de R$ 204.391,20. Outro beneficiado foi o Instituto Federal de Educação do Tocantins, para custeio e reforma dos campi de Dianópolis (R$ 1.500.000,00),Formoso do Araguaia(R$ 400.000,00),Lagoa da Confusão  (R$ 400.000,00) e Pedro Afonso (R$ 400.000,00), totalizando R$ 2.700.000,00.