Geral

Foto: Divulgação

A Fundação Cultural de Palmas promoveu capacitação sobre Prevenção e Combate de Incêndio nesta segunda-feira,17 aos servidores da pasta. O curso foi ministrado pelo Corpo de Bombeiro Militar para a Renovação da Certidão de Regularidade do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho.

O curso contemplou aulas teórico-práticas, para estimular a integração entre os participantes e permitir a formação adequada com táticas contextualizadas. “O curso proporcionou conhecimento sobre como prestar os primeiros atendimentos em uma situação emergencial e evitar o caos e minimizar os possíveis danos pessoais, patrimoniais e materiais. Desta forma, nossa equipe está capacitada para lidar com essa situação. Para nós o trabalho preventivo também é cultura” relatou a Presidente da Fundação Cultural de Palmas.

Para a Diretora de Desenvolvimento Humano da Fundação Cultural de Palmas, Euzeni Pedrozo Grim, o curso é de suma importância. “A recapacitação nos fez relembrar as técnicas de combate de incêndio e primeiros socorros para evitarmos sinistros”, explicou a servidora.

Obrigatoriedade dos cursos

O Código de Segurança Contra Incêndios e Pânico prevê capacitação obrigatória aos funcionários ou servidores de um prédio, para que formem a brigada de incêndio para combate e primeiros socorros em área pré-estabelecida.

Brigadas

Brigadas de incêndio são grupos de profissionais que desenvolvem as atividades iniciais durante um sinistro, enquanto equipes especializadas não chegam ao local. Os brigadistas devem focar no risco potencial vivenciado em prédios ou condomínios verticais, conhecer o plano de emergência da edificação, participar de exercícios de simulação, entre outras funções. (Ascom FCP)