Educação

Foto: Divulgação

Selecionada para representar o Tocantins na edição 2015 do Programa Jovens Embaixadores, Sabryna Caetano Lopes embarcou nesta terça-feira, 6, com rumo aos Estados Unidos. De Palmas, a tocantinense passará dois dias em Brasília para, em seguida, junto aos demais 49 jovens embaixadores de todo o País, partir rumo a Washington, capital norte-americana, dando início às atividades do intercâmbio, previstas pelo programa da Embaixada dos EUA no Brasil.

Antes de embarcar, Sabryna não escondia a ansiedade pelo início da experiência. “Quando eu paro para pensar que falta tão pouco, logo me dá um frio na barriga, um nervosismo; mas é um nervosismo bom. Esta ansiedade é por querer viver uma nova experiência que eu conquistei a chance de experimentar. Estou confiante de que vou conseguir me comunicar bem e aprender bastante durante o intercâmbio”, afirma a jovem de 17 anos, que superou outros 154 estudantes da rede pública de ensino tocantinense que participaram do processo seletivo do Jovens Embaixadores.

Mãe orgulhosa

Mãe da jovem embaixadora tocantinense, Mariluce Caetano Xavier destaca que, apesar da saudade, a experiência que será vivida pela filha no exterior vale o período de separação das duas. “Ela é uma menina muito esforçada, inteligente e responsável. A saudade vai ser muito grande porque ela é a minha caçula e somos só nós duas em casa. Mas, mesmo assim, eu sei que isso vai ser muito bom para ela”, comentou.

Cronograma internacional

Com duração de três semanas, o intercâmbio internacional tem início em Washington, onde os selecionados vão participar de reuniões em organizações dos setores público e privado, de oficinas sobre liderança e empreendedorismo jovem, além de visitar escolas, projetos sociais e pontos turísticos da capital.

Em seguida, após serem divididos em subgrupos, os jovens embaixadores serão distribuídos em diferentes estados norte-americanos. Em cada um deles eles serão hospedados por famílias americanas, assistirão a aulas em escolas locais e poderão interagir com jovens da mesma idade e participar de atividades socioculturais na comunidade, além de apresentar palestras sobre o Brasil e os estados que representam.

Sabryna ficará hospedada em Oklahoma, estado localizado no centro-sul dos EUA e que já desperta o interesse da jovem embaixadora. “Assim que eu fui informada de que ficaria em Oklahoma eu pesquisei bastante sobre lá. Pelo que encontrei na internet, o estado é muito desenvolvido, grande produtor de petróleo e tem várias atrações legais para serem visitadas. Sem contar que o povo de lá é bem animado e festeiro, acostumado a receber as pessoas. Tenho certeza que vou me sentir em casa com eles”, destacou a tocantinense que concluiu no fim do ano passado a 3ª série do ensino médio no Instituto Presbiteriano Vale do Tocantins, em Paraíso. A unidade de ensino é conveniada à rede estadual.

Programa

O Programa Jovens Embaixadores é realizado pela embaixada dos Estados Unidos no Brasil e seleciona para um intercâmbio de três semanas em solo americano 50 jovens estudantes de escolas públicas brasileiras que tenham idade entre 15 e 18 anos e situação socioeconômica menos favorecida.

Para ser um jovem embaixador, os candidatos passaram por várias etapas que envolveram desde a apresentação de documentações à realização de exames, escritos e orais, de Língua Inglesa e de aptidão à liderança. Outro pré-requisito obrigatório é a prestação comprovada de serviços voluntários à comunidade por um período de pelo menos um ano. (Ascom Seduc)