Campo

Foto: Divulgação

Levantamento do Departamento Técnico da Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa) revela que na Safra 2014/2015 foi registrado um novo aumento na área de soja na região de Pedro Afonso (TO). Um total de 49 produtores plantou 27.430 hectares nos municípios de Pedro Afonso, Bom Jesus do Tocantins, Tupirama, Santa Maria do Tocantins, Centenário, Recursolândia, Rio Sono, Itacajá, Rio dos Bois e Miracema.

O número representa um aumento de 19% em relação à última safra, quando foram semeados 23 mil hectares, e onde também já havia sido registrado um crescimento em comparação as quatro safras anteriores.

A maior área – 13.404 hectares – foi cultivada em Pedro Afonso.

O plantio dos grãos foi iniciado em 1º de outubro de 2014, em áreas irrigadas com pivô, e terminou no último dia 10 de janeiro.

Em relação à produtividade, a expectativa é colher, em média, 55 sacas por hectare.

Nesta safra foram plantadas seis novas variedades de soja.

Assistência técnica

Durante todo o ciclo produtivo – que vai do preparo do solo até a colheita – a Coapa oferece assistência técnica especializada aos produtores rurais. São realizadas visitas as fazendas, acompanhamentos do desenvolvimento das culturas, posicionamentos de soluções mais eficientes, e orientações quanto ao uso de insumos agrícolas e controle de pragas.

Boas perspectivas

O engenheiro agrônomo da Coapa Fernando Coelho afirma que a expectativa é que a Safra 2014/2015 seja de bons resultados. “Em visitas as propriedades o que se tem visto, na maioria dos casos são, variedades respondendo bem ao clima que este ano até o momento, não trouxe maiores problemas para o desenvolvimento da cultura. Também há pouca incidência de doenças e pragas”, explicou.

Antes mesmo de colher a soja, muitos produtores já venderam os grãos no mercado futuro com preços favoráveis. Segundo o gerente comercial da Coapa, Nelzivan Carvalho Neves, já foram comercializadas 133.400 sacas de soja de 60 quilos pertencentes a 38 sojicultores, número que representa quase 70% de toda produção. Em média a saca foi vendida a R$ 55,00, preço considerado competitivo. 

Jornada Tecnológica

No próximo dia 20 de fevereiro, acontece a 4ª Jornada Tecnológica da Coapa, na Fazenda Uruçu, em Pedro Afonso. Na propriedade do Luiz Gilberto Ramos foi plantada uma área de 22 hectares, destinada a um campo experimental com 25 variedades de soja.

O trabalho foi coordenado pela equipe do departamento técnico da cooperativa e tem apoio de empresas parceiras.

Segundo o engenheiro agrônomo da Coapa, Eduarte Bonafede, que orientou o plantio, a intenção é avaliar o desenvolvimento da cultura e a produtividade.

Todas as variedades de sementes utilizadas são comerciais, sendo que oito são resistentes a lagartas. As cultivares foram cedidas pelas empresas Talismã, Seed Corp, Uniggel, Nidera, Monsanto e Agroest. Outras empresas também são parceiras no experimento, entre elas, a Bayer Cropscience, Fertilizantes Tocantins e Microquímica.

As variedades plantadas tem ciclos de 90 a 130 dias. A colheita está prevista para ocorrer de fevereiro a março de 2015.

Por: Redação

Tags: Coapa, Pedro Afonso