Geral

Foto: Divulgação

O Sebrae Tocantins fará este ano a Feira Internacional do Artesanato Indígena em Palmas, que acontecerá paralelamente aos Jogos Mundiais Indígenas, realizados em setembro. A intenção do Sebrae com a Feira é transformar os Jogos Indígenas num grande campo de negócios para as tribos de todo o mundo, que estarão na Capital para participar das competições, potencializando o turismo durante o evento e promovendo a economia com a comercialização de artesanato.

Para dar início a esse trabalho, o Sebrae realizou nesta sexta-feira, dia 26, a oficina de Planejamento para a Feira Indígena. Para o superintendente do Sebrae, Omar Hennemann, os Jogos serão uma grande oportunidade de promover o artesanato indígena do Tocantins e do Brasil. "Vamos incentivar e fomentar o artesanato, não só como forma de abertura de mercado para comercialização, mas também como promoção da arte e da cultura indígena", afirmou Hennemann.

A oficina de Planejamento da Feira contou com a participação de representantes da prefeitura de Palmas, que é parceira do Sebrae na Feira Internacional de Artesanato Indígena. Estiveram presentes na oficina os diretores de Relações Institucionais dos Jogos Mundiais Indígenas, Patrícia Fregonesi, e de Infraestrutura, Guilherme Barbosa. Os representantes da prefeitura apresentaram os Jogos e como está sendo feito o trabalho de preparação do evento, além de detalhes sobre a estrutura da Feira e dos Jogos, que será montada em conjunto.

Por: Redação

Tags: Omar Hennemann, Sebrae