Estado

Foto: Carlos Magno

Um total de 26 convênios e contratos de obras no Estado serão fiscalizados por uma equipe da Secretaria de Desenvolvimento Regional, Urbano e Habitação do Estado (Sedruh). O objetivo do Governo do Estado é analisar todos os contratos para, assim, poder dar continuidade e agilizar a conclusão destas obras.

Segunda a presidente da comissão, Valéria Hollunder, todos os convênios e contratos de obras firmados pelo Governo do Estado serão verificados. “Vamos ver o que foi pago, verificar a documentação dos convênios e analisar a situação das obras para ver quais têm condições de serem agilizadas para que sejam concluídas o quanto antes”, explicou.

Para o secretário de Desenvolvimento Regional Urbano e Habitação, Aleandro Lacerda, a fiscalização realizada pela comissão é o que lhe dá condições de tomar as decisões necessárias sobre as obras. “A comissão verifica a situação das obras, dos contratos e dos convênios. É essa fiscalização que dá condições para que saibamos a real situação e, assim, possamos tomar a decisões de forma bem embasada”, garantiu.

Como todas as obras habitacionais incluem ainda as obras de infraestrutura, como pavimentação e drenagem, Valéria explicou que este acompanhamento é de extrema importância. “As obras de pavimentação facilitam o acesso as unidades habitacionais e devem ser concluídas praticamente juntas com as obras habitacionais”, comentou.

Só em Palmas, cinco fiscais já iniciaram a análise geral de 15 obras. Entre elas, estão as do Jardim Taquari, nas quadras T-22 e T-23, que está paralisada desde agosto do ano passado; e a obra da Arso 131, que está em andamento, com 68% concluída.

Após a vistoria em Palmas, a equipe deve continuar o trabalho em nove cidades do interior do Estado, a fim de fiscalizar outros 11 contratos e convênios.