Saúde

Foto: Divulgação Coletas serão feitas todas as terças, das 8h às 18h, na Feira Coberta de Paraíso Coletas serão feitas todas as terças, das 8h às 18h, na Feira Coberta de Paraíso

A cidade de Paraíso, a 63 km de Palmas, retoma partir desta terça-feira, 7, os atendimentos através da unidade móvel de coleta de sangue. As coletas serão feitas todas as terças, das 8h às 18h, na Feira Coberta, Rua Firmino. As unidades devem atender ainda os municípios de Miracema, Barrolândia, Porto Nacional e empresas na Capital.

De acordo com a coordenadora do Hemocentro, Denis Gomes, a prioridade para o atendimento foi para a cidade de Paraíso, em razão da demanda. Segundo ela, a unidade chega a recolher, por dia, cerca de 60 bolsas de sangue. “Como a demanda para receber doadores é grande, as unidades móveis fazem todo o trabalho de atendimento. Prioritariamente, estamos com a unidade móvel em Paraíso. As coletas daqui atenderão pacientes do município e de Palmas”, explicou.

O contador Luiz André Jardim, 38 anos, doa sangue há dois anos. Ele contou que o exemplo de ser um doador partiu da família. “Já tinha um padrasto que doava sangue. Para mim, o sentimento de poder ajudar as pessoas é gratificante”, afirmou.

Quem doa sangue pela primeira vez, já pensa em também convidar os amigos para a boa ação. É o caso de Glaudeir Siqueira. “Sempre tive curiosidade para doar sangue. Dessa vez, me empenhei para ajudar um parente. Com certeza, doarei mais vezes, pois toda a minha família é doadora. Convidarei amigos a doar também, pois um dia pode ser nós que precisaremos de sangue”, disse.

Para ser um doador é necessário apresentar documento com foto emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional, pesar acima de 50 kg, ter entre 16 e 69 anos de idade e estar em dia com a saúde. No dia da doação as recomendações são: nunca ir doar sangue em jejum, repouso mínimo de 6 horas na noite anterior, não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores, evitar fumar por, pelo menos, 2 horas antes da doação e evitar ingerir alimentos gordurosos. (Secom-TO)

Por: Redação

Tags: Denis Gomes, Luiz André Jardim, Paraiso