Polí­tica

Foto: Divulgação

Vereadores da base do prefeito Carlos Amastha reagiram às críticas do deputado estadual Eduardo Siqueira Campos sobre a realização dos Jogos Mundiais Indígenas previstos para este ano em Palmas. Ao defender a promoção do evento, o vereador Folha Filho (PTN) destacou os legados do evento e fez questão de ressaltar que a gestão municipal não concentra esforços apenas neste evento, mas em áreas fundamentais para a população.

Outro vereador que abordou o tema foi Milton Néris (PR). Ele também fez questionamentos referentes à gestão de Eduardo na Prefeitura de Palmas, e de seu pai, o ex-governador Siqueira Campos, à frente do Executivo estadual. “Tenho também algumas perguntas. Se o povo pudesse escolher entre o estádio e o hospital de urgência o que ele escolheria?”, questionou Néris.

Néris lembrou, por exemplo, que a última gestão estadual de Siqueira Campos, da qual Eduardo era o braço direito do pai, foi prometida a construção de 19 hospitais e nenhum foi entregue. “Pergunto mais: Se o povo pudesse escolher entre o kartódromo e o hospital de urgência? Qual seria a escolha? E tem outra coisa: Duvido que o povo, entre as quartas culturais e os megashows e um hospital, não teriam escolhido o hospital”, disse.

O deputado Eduardo Siqueira Campos (PTB) respondeu as declarações dos dois vereadores de Palmas, após o deputado afirmar que aguardava o “choque de gestão” prometido pelo atual Governo do Estado e também a construção do Hospital Municipal de Urgência e Emergência, tema de promessa de campanha do atual prefeito da Capital.

Eduardo Siqueira disse que deixou claro em sua fala que não se pronunciou contra os Jogos Mundiais Indígenas, mas que realizou uma reflexão mais profunda sobre a cidade, inclusive com o Hospital de Urgência atendendo também a demandas dos índios da região.

O parlamentar afirmou também que não realizou críticas ao prefeito, mas que ponderou sobre a necessidade de a administração municipal observar o princípio da impessoalidade quando se tratar de propaganda pública.

Eduardo Siqueira respondeu também ao comparativo realizado pelo vereador Milton Néris no quesito obras na Capital. “Entre construir o estádio, o kartódromo, a rodoviária, o aeroporto e o Hospital Geral de Palmas, optamos por fazer todos”, frisou ao se referir às obras dos Governos Siqueira Campos na Capital e também sua administração como Prefeito de Palmas. 

O deputado citou ainda os parques da cidade (dentre eles o Césamar), o Espaço Cultural, o Ginásio Ayrton Senna, as escolas padrão, praças e quadras de esportes, além das redes de água e esgoto.

Eduardo pediu que os vereadores não entendam como uma cobrança de promessas, mas que o Hospital de Urgência e Emergência é uma necessidade da Capital. “Fizemos as tendas no HGP, que representou o início da ampliação que hoje todos estão vendo acontecer”, disse.

“Essa é uma questão que merece reflexão e debate e é isso que estou fazendo, discutindo a cidade”, finalizou.