Estado

Foto: Divulgação

A Secretaria da Fazenda dá início, na próxima segunda-feira, 17, a aplicação de uma pesquisa que visa medir o grau de satisfação dos contribuintes tocantinenses com os serviços prestados em suas unidades – Delegacias de Fiscalização e Agências de Atendimento. O resultado vai nortear novas ações visando a melhoria nas atividades desempenhadas e o contentamento de quem trata com a pasta.

A pesquisa será aplicada nas seis maiores Delegacias Regionais de Fiscalização – Palmas, Araguaína, Gurupi, Porto Nacional, Paraíso e Taguatinga. Na segunda, 17, às 9 horas os pesquisadores começam a ouvir os contribuintes na Agência de Atendimento de Palmas. No dia 18, em Araguaína e dia 19, em Taguatinga. O cronograma para as demais regionais será definido conforme o andamento da pesquisa nessas três primeiras. A previsão é aplicar, aproximadamente, 1.150 mil questionários, na modalidade presencial nas principais Agências de Atendimento.

Paralelo à pesquisa presencial, mais 100 contribuintes serão ouvidos via telefone e mais 1000 também podem responder o questionário web enviado por e-mail e disponibilizado na página WWW.sefaz.to.gov.br, link “pesquisa do contribuinte”. Esse universo é, estatisticamente, considerado suficiente para avaliar a qualidade, eficiência e produtividade dos serviços entregues aos contribuintes e garante à consulta um grau de confiança de mais 95%.

A pesquisa está formatada com base em seis dimensões a serem avaliadas: acesso à informação, trato recebido, tangibilidade e visibilidade, capacidade de processamento do serviço e gestão dos sistemas informáticos.

Por: Redação

Tags: Secretaria Estadual da Fazenda