Polí­tica

Foto: Divulgação

Alguns requerimentos apresentados nesta terça-feira, 18, pelo deputado da oposição Eduardo Siqueira Campos (PTB) geraram discussão entre os parlamentares. Um deles, ele solicita que o governador Marcelo Miranda (PMDB) analise a possibilidade de reduzir o número de secretarias. Outra propositura é que o governo institua mesa permanente de negociação com as centrais sindicais

Aliado do governo, Valdemar Junior (PSD) afirmou que é pertinente apresentar requerimentos mas porém eles são “apenas um lembrete à gestão”,disse.

Segundo ele, a base de governo já debateu a necessidade de uma reforma para poder equilibrar receita e despesa. Outra propositura  de Estado solicita manutenção preventiva dos ônibus escolares no s139 municípios e de máquinas, tratores  equipamentos em todas as cidades o que Valdemar questionou. “ Não é uma incoerência pedir redução da máquina administrativa e depois solicitar a esse mesmo governo que faça preventivo de maquinário que não é seu e sim das prefeituras?”, questionou ao lembrar que o estado foi quem doou os ônibus para os municípios.

Eduardo respondeu Valdemar : “se não pudermos pedir isso ao governador não sei mais o que posso nessa casa”, retrucou. Na tribuna ele disse que foi um gestor razoavelmente bem avaliado durante esteve no governo e lembrou do governo anterior.

Valdemar justificou que não questionou a legitimidade da propositura e disse ser a favor da redução de pastas porém alfinetou: “Não vamos correr o risco de governos anteriores que encerraram o mandato e não pagaram os servidores públicos”, disse.

Na sessão, o peemedebista Elenil da Penha fez um apelo ao secretário de Saúde, Samuel Bonilha para que “acompanhe de perto os trabalhos realizados, terceirizados e o sofrimento dos clientes se possível chegue de surpresa”, pediu. Ele chamou a atenção para a situação nos hospitais. “ Eu sei que a demanda é grande mas é preciso achar uma saída se for pos´sivel buscar pactuação com outros estados”, sugeriu ao pedir uma solução para todos os municípios. 

Cobrança

O deputado estadual Ricardo Ayres (PSB) apresentou uma cobrança direcionada á Defensoria Pública do Estado com relação aos vencimentos dos defensores e pagamentos de plantões extras. “A resposta não veio a contento coma s informações que eu gostaria com relação aos vencimentos dos defensores, substituições  e plantões pagos de janeiro de 2014 até os dias atuais. Tendo havido esse erro requeiro essas informações”, disse.